Topo
pesquisar

Caixa Econômica Federal

Economia e Finanças

PUBLICIDADE

Criada em 12 de janeiro de 1861, a Caixa Econômica Federal é o maior banco público da América Latina. A instituição foi criada pelo Decreto n° 2.723, assinado por D.Pedro II, no qual dava origem à Caixa Econômica e Monte de Socorro. A CEF foi fundada com o objetivo de promover entre a população, o hábito de poupar, principalmente entre as pessoas de baixa renda. Os escravos, por exemplo, poupavam para comprar suas cartas de alforria. A instituição pagava juros de 6% a.a., garantindo o a restituição dos depósitos a ela confiados.

Posteriormente, a CEF passou a conceder empréstimos sob penhor, e a partir de 1931, passou a conceder também para pessoas físicas. Mais tarde, em 1986, a instituição assumiu a função de agente operador do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).
Percebe-se assim, que a Caixa Econômica, ao lado do Banco Central e do Banco do Brasil, é um dos principais agentes da política econômica do governo brasileiro. A instituição, totalmente pública, funciona atualmente como um banco como os outros, no entanto, também possui um caráter especial, uma vez que é centralizadora de operações relativas ao FGTS, PIS, Bolsa-Família, etc. A Caixa também é responsável pelas operações dos jogos lotéricos no Brasil desde 1962.

Desde sua criação, a Caixa Econômica Federal já estabeleceu seu foco social. Sua atuação se estende às atividades artístico-culturais, educacionais e esportivas. Além disso, a instituição possui um papel fundamental para o Brasil, já que sua missão, em síntese, é promover a melhoria da qualidade de vida da população brasileira.

Economia - Brasil Escola

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

DANTAS, Tiago. "Caixa Econômica Federal"; Brasil Escola. Disponível em <http://brasilescola.uol.com.br/economia/caixa-economica-federal.htm>. Acesso em 07 de dezembro de 2016.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA