close
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Registro de imagens em filmes fotográficos

Os filmes fotográficos contêm sais de prata sensíveis à luz. Nos pontos onde há incidência de luz ocorre a redução dos íons prata, resultando no contraste visto nos negativos.

O registro de imagens antigas era feito em filmes fotográficos com sais de prata
O registro de imagens antigas era feito em filmes fotográficos com sais de prata
Imprimir
Texto:
A+
A-

PUBLICIDADE

Hoje em dia praticamente todas as máquinas fotográficas são digitais. No entanto, as primeiras máquinas fotográficas eram baseadas em um processo que envolvia o uso de filmes onde se registravam as imagens captadas.

Mas, antes de seu registro, como se realizava a formação das imagens?

A formação das imagens baseava-se no princípio da câmera escura de orifício, que é uma caixa preta e vazia com um pequeno buraco em um dos seus lados, no qual há a entrada da luz transmitida por um objeto. No lado oposto da câmera é formada a imagem invertida do objeto. Toda câmera fotográfica é baseada nesse sistema.

Esquema do funcionamento da câmera escura

A imagem fica invertida porque a propriedade da luz se propaga em linha reta.

Dessa maneira, é possível produzir a imagem de uma cena ou objeto, mas não sabia-se ainda como registrá-la. Foi somente em 1827 que a fotografia foi inventada, quando o francês Joseph Niepce (1765-1833) conseguiu registrar a primeira fotografia usando um material sensível à luz: o filme fotográfico.

O filme fotográfico contém uma suspensão de sais de prata, como o cloreto de prata e o brometo de prata, que escurecem quando são atingidos pela luz. Isso acontece não por causa da presença do cloreto ou do brometo, mas sim da prata. Ocorre a redução dos íons prata (Ag+) quando ela é incidida pela luz, originando a prata metálica finamente dividida, que é preta. Assim, é visto um contraste nos negativos que reproduzem a imagem. A redução dos íons prata também ocorre no momento da revelação, como será explicado um pouco adiante.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

A redução de um composto ocorre quando ele ganha elétrons de outra espécie química e seu NOX (número de oxidação) diminui. Simultaneamente a esse processo, ocorre a oxidação do outro composto que agiu como o agente redutor, doando os elétrons. Portanto, o caso da formação de uma imagem em um filme fotográfico envolve uma reação de oxirredução, onde o sal de prata contido no filme reduz e a substância que constitui o revelador oxida.

Genericamente, o processo pode ser representado por:

AgX(s) + revelador Ag(s) + X-(aq) + outros produtos

 Onde X é um halogênio, como o cloro e o bromo.

Negativos de fotos, resultantes da redução dos íons prata em prata metálica


Por Jennifer Fogaça
Graduada em Química

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

FOGAçA, Jennifer Rocha Vargas. "Registro de imagens em filmes fotográficos"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/quimica/registro-imagens-filmes-fotograficos.htm. Acesso em 28 de maio de 2022.

De estudante para estudante


Faça uma lista das principais consequências do acidente com césio em Goiânia para o meio ambiente 

Por Jeyse Vitoria Sousa Oliveira
Responder
Ver respostas

Faça uma lista das principais consequências do acidente com césio em Goiânia para o meio ambiente 

Por Jeyse Vitoria Sousa Oliveira
Responder
Ver respostas

Estude agora


Genocídio

Grandes genocídios marcaram a história da humanidade. Veja como grandes populações foram assassinadas coletivamente...

O que é o G-20?

Assista à nossa aula e entenda o que é o G-20. Saiba quais são os objetivos dessa importante associação e suas...