Notificações
Você não tem notificações no momento.
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Aposto e Vocativo

Mesmo separados da estrutura frasal por sinais de pontuação, o aposto e o vocativo estabelecem relações com o que é enunciado na oração.

O aposto e o vocativo estabelecem relações com o enunciado.
O aposto e o vocativo estabelecem relações com o enunciado.
Imprimir
Texto:
A+
A-
Ouça o texto abaixo!

PUBLICIDADE

Aposto

Primeiramente, vejamos o que é aposto. Observe a frase a seguir:

Manoel, português casado com minha prima, é um ótimo engenheiro.

Veja que o trecho “português casado com minha prima” está explicando quem é o sujeito da oração “Manoel”. Esse trecho é o aposto da oração.

Observe a próxima:

Foram eles, os meninos, que jogaram a bola no seu quintal ontem.

Mais uma vez temos um trecho (aposto) “os meninos” explicando um termo anterior: Foram eles... Eles quem? Os meninos.

Podemos concluir que o aposto é uma palavra ou expressão que explica ou que se relaciona com um termo anterior com a finalidade de esclarecer, explicar ou detalhar melhor esse termo.

Há alguns tipos de apostos:

Explicativo: usado para explicar o termo anterior: Gregório de Matos, autor do movimento barroco, é considerado o primeiro poeta brasileiro.

Especificador: individualiza, coloca à parte um substantivo de sentido genérico: Cláudio Manuel da Costa nasceu nas proximidades de Mariana, situada no estado de Minas Gerais.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Enumerador: sequência de termos usados para desenvolver ou especificar um termo anterior: O aluno dever ir à escola munido de todo material escolar: borracha, lápis, caderno, cola, tesoura, apontador e régua.

Resumidor: resume termos anteriores: Funcionários da limpeza, auxiliares, coordenadores, professores, todos devem comparecer à reunião.

Vocativo 

Observe as orações:

1. Amigos, vamos ao cinema hoje?
2. Lindos, nada de bagunça no refeitório!

Os termos “amigos” e “lindos” são vocativos, usados para se dirigir a quem escuta de formas ou intenções diferentes, como nos períodos anteriores: a utilização de um substantivo na primeira frase e de um adjetivo na segunda. Podemos concluir que:

Vocativo: é a palavra, termo, expressão utilizada pelo falante para se dirigir ao interlocutor por meio do próprio nome, de um substantivo, adjetivo (característica) ou apelido.

Por Sabrina Vilarinho
Graduada em Letras

Escritor do artigo
Escrito por: Sabrina Vilarinho Escritor oficial Brasil Escola

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

VILARINHO, Sabrina. "Aposto e Vocativo"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/gramatica/aposto-vocativo.htm. Acesso em 25 de maio de 2024.

De estudante para estudante


Videoaulas


Lista de exercícios


Exercício 1

Atente-se para o poema exposto, procurando responder às questões referentes ao mesmo:

                       Dois vocativos
 “A maravilha dá de três cores:
branca, lilás e amarela,
seu outro nome é bonina.
Eu sou de três jeitos:
alegre, triste e mofina,
mas meu outro nome eu não sei.
Ó mistério profundo!
Ó amor!”

Adélia Prado
(In: O coração disparado. Rio de Janeiro: Record, 2006, p.19)

a – O “eu” lírico representado pelo poema, explicita informações tendo como referência  

dois elementos: a flor e uma pessoa, cuja identificação não é retratada.
Como se trata de um texto poético, sabemos que o mesmo nos revela algo a mais daquilo que “aparentemente” parece óbvio. Partindo desse pressuposto, qual a pretensão da autora em se referir às características deste outro ser, ou seja, o humano?

b - No poema há dois versos que têm como função esclarecer sobre um termo especificado anteriormente, logo remetemo-nos à ideia do aposto. Identifique-os.

c – Caso identifique a presença do vocativo, destaque-o (s).

Exercício 2

Diante da oração abaixo, indique todos os apostos pertencentes a ela:

Quando a reunião iniciou, estavam na sala apenas o diretor, alguns funcionários e o dono da empresa, um importante representante da sociedade. O assunto em discussão foi: diversificar a produção, estudar a possibilidade de alteração salarial e incentivo à carreira profissional.