Notificações
Você não tem notificações no momento.
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Dólar

Dólar ($) é o nome dado a moedas ao redor do mundo, sendo a principal delas o dólar estadunidense, divisa internacional utilizada como reserva e também no comércio exterior.

Notas de dólar estadunidense, um dos vários tipos de dólares utilizados no mundo.
O dólar estadunidense é um dos vários tipos de dólares utilizados no mundo.
Imprimir
Texto:
A+
A-
Ouça o texto abaixo!

PUBLICIDADE

Dólar ($) é o nome dado a várias moedas nacionais, oficiais ou paralelas, ao redor do mundo. Uma delas é o dólar estadunidense (US$), que recebeu esse nome a partir de 1785 e se tornou uma das mais importantes divisas de todo o mundo. O dólar estadunidense foi elevado à divisa internacional durante a Conferência de Bretton Woods (1944), sendo hoje utilizado no comércio internacional e na composição de reservas em moeda estrangeira de vários países, como o Brasil.

Leia também: Qual é a história da moeda?

Tópicos deste artigo

Resumo sobre dólar

  • Dólar é um termo utilizado para designar as moedas que circulam em, pelo menos, 35 países.

  • O dólar estadunidense é o mais importante em voga, já que desempenha a função de divisa internacional.

  • O símbolo do dólar ($) é chamado de sinal do dólar ou cifrão, no Brasil.

  • Além dos Estados Unidos, outros seis territórios adotam o dólar estadunidense.

  • A cotação do dólar varia de acordo com o uso e com a finalidade a que ele é destinado, classificando-se em dólar comercial e dólar turismo:

    • dólar comercial: usado por agentes econômicos e governos;

    • dólar turismo: usado pela população em geral, com cotação acima do dólar comercial.

  • Considerando-se o dólar estadunidense, são sete as notas em uso hoje em dia.

  • O sinal dólar já designava a moeda da América Espanhola no século XVIII, e foi nela que os Estados Unidos se inspiraram para adotar o símbolo.

  • O dólar se tornou divisa internacional, em 1944, mediante resolução da Conferência de Bretton Woods.

O que é o dólar?

Dólar é o nome dado a uma série de moedas (ou divisas) adotadas por economias nacionais ao redor do mundo como sendo o seu dinheiro oficial ou paralelo, isto é, que circula junto da moeda nacional. Muito embora utilizemos o termo dólar para fazer referência unicamente ao dólar estadunidense, veremos adiante que existem dezenas de países que possuem o seu próprio dólar. Em se tratando do dólar estadunidense, pode-se afirmar que essa é a moeda utilizada como divisa internacional para a realização de investimentos estrangeiros e de trocas comerciais entre diferentes territórios.

A palavra dólar, do inglês, dollar, teve origem no termo thaler, que era utilizado para denominar moedas que foram cunhadas na primeira metade do século XVI em Joachimsthal, na Boêmia (região que ocupava parte das atuais Tchéquia, Alemanha e de outros países da Europa Central).

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Características do dólar

O dólar é a moeda oficial de 35 países. Além disso, 20 outros países que possuem suas próprias moedas, mas que, por motivos diversos (que variam do intenso fluxo de turistas à desvalorização do dinheiro local), acabam aceitando o dólar em pagamentos realizados no dia a dia.

É muito comum que nos refiramos ao dólar estadunidense como dólar apenas, e, nesse sentido, podemos dizer que o dólar é uma das moedas mais importantes do mundo, se não a mais importante. Isso acontece porque o dólar é a divisa internacional, isto é, a divisa utilizada nas transações que acontecem no âmbito da economia internacional, seja nos investimentos estrangeiros diretos (IED), seja no comércio internacional.

Como sendo divisa internacional, o dólar é utilizado como parâmetro para o estabelecimento da taxa de câmbio em outros países, o que muitos devem à sua estabilidade frente a outras moedas nacionais. Na mesma linha, temos que os indicadores macroeconômicos, como o Produto Interno Bruto (PIB) e a renda per capita, são expressos em dólar para se traçar comparativos entre diferentes economias nacionais.

Ilustração de situações econômicas possibilitadas por meio do dólar.
O dólar se tornou a moeda internacional ainda na segunda metade do século XX.

Outro aspecto que denota o papel que o dólar exerce no cenário econômico internacional é a composição das reservas internacionais nessa moeda. Cabe aqui lembrarmos que reservas internacionais são, de acordo com o Banco Central do Brasil, ativos que determinado território resguarda em moeda estrangeira para o cumprimento de suas obrigações para com outros países e agentes econômicos externos. Nesse sentido, o Brasil e muitos outros países constituem reserva em dólar, o que torna as transações mais rápidas e eficazes.

Símbolo do dólar

O símbolo do dólar é representado pela letra S com um ou dois traços ao meio: $. Esse símbolo é conhecido como sinal do dólar ou sinal do peso. No Brasil, esse símbolo feito com dois traços é denominado cifrão, e acaba sendo empregado igualmente para representar a moeda nacional. Sabe-se que esse era o símbolo utilizado para representar a moeda da América Espanhola no século XVIII, denominada peso. O dólar estadunidense se inspirou nessa divisa, motivo pelo qual houve a adoção do mesmo símbolo.

Símbolo do dólar, conhecido como sinal do dólar, sinal do peso e, no Brasil, como cifrão.
Conhecido no Brasil como cifrão, o sinal do dólar é o símbolo que representa o dólar.

No caso do dólar, muitas vezes o sinal é precedido pela sigla indicando o território de origem, como nos Estados Unidos, em que o dólar estadunidense pode ser representado tanto por $ quanto por US$, sendo US a sigla para United States (Estados Unidos).

Quais países usam o dólar?

Países que usam o dólar dos Estados Unidos

País

Símbolo

Código

El Salvador

US$

USD

Equador

Estados Federados da Micronésia

Estados Unidos

Ilhas Marshall

Palau

Timor-Leste

 

Demais territórios que usam o dólar

País

Moeda

Símbolo da moeda

Código

Austrália

Dólar australiano

A$ ou AU$

AUD

Nauru

Antígua e Barbuda

Dólar do Caribe Oriental

$ ou EC$

XCD

Barbados

Dólar barbadense

$ ou Bds$

BBD

Bermudas

Dólar das Bermudas

BD$

BMD

Brunei

Dólar de Brunei

B$

BND

Bahamas

Dólar baamiano

$

BSD

Belize

Dólar de Belize

$

BZD

Canadá

Dólar canadense

$, CA$, C$

CAD

Dominica

Dólar do Caribe Oriental

$ ou EC$

XCD

Fiji

Dólar de Fiji

FJ$

FJD

Guiana

Dólar guianense

GY$

GYD

Granada

Dólar do Caribe Oriental

$ ou EC$

XCD

Hong Kong

Dólar de Hong Kong

HK$

HKD

Jamaica

Dólar jamaicano

J$

JMD

Kiribati

Dólar australiano e dólar de Kiribati

A$ ou AU$

$

AUD

KID

Libéria

Dólar liberiano

LD$

LRD

Namíbia

Dólar da Namíbia

N$

NAD

Nova Zelândia

Dólar neozelandês

$

NZD

Ilhas Salomão

Dólar das Ilhas Salomão

$ ou SI$

SBD

Santa Lúcia

Dólar do Caribe Oriental

$ ou EC$

XCD

São Cristóvão e Névis

São Vicente e Granadinas

Singapura

Dólar de Singapura

S$

SGD

Suriname

Dólar do Suriname

$ ou Sr$

SRD

Trinidade e Tobago

Dólar de Trinidade e Tobago

TT$

TTD

Tuvalu

Dólar de Tuvalu e dólar australiano

$ ou T$

TVD

AUD

Taiwan

Novo dólar taiwanês

$ ou NT$

TWD

Veja também: Real — detalhes sobre a atual moeda do Brasil

Diferenças entre dólar comercial e dólar turismo

O dólar apresenta diferentes formas de cotação internacional, destinadas a usos e a usuários distintos, conforme o seu objetivo. Duas dessas principais cotações são o dólar comercial e o dólar turismo, cujas particularidades conheceremos a seguir.

  • Dólar comercial: trata-se do dólar utilizado no comércio internacional, mais precisamente para a importação e a exportação, e nas negociações com agentes estrangeiros. A flutuação do dólar comercial é determinada, no Brasil, pelo Banco Central, e recebe o nome de Ptax. Seu uso se restringe a agentes como governos, empresas e demais entidades econômicas.

  • Dólar turismo: trata-se do dólar vendido diretamente para a população, sendo a moeda utilizada nas viagens e nas compras internacionais realizadas pelas pessoas físicas. Por conta dos encargos tributários, logísticos e administrativos, o dólar turismo é mais caro do que o dólar comercial.

Quais são as notas de dólar em uso na atualidade?

Considerando-se o dólar estadunidense, existem sete diferentes notas de dólar em uso na atualidade. Elas podem ser vistas na imagem a seguir.

Notas de dólar estadunidense que estão em uso na atualidade.
Notas de dólar estadunidense que estão em uso na atualidade.

As notas de dólar estadunidense em uso são:

História do dólar

Dólar é um termo que vem sendo utilizado desde o século XVIII para designar a moeda de uma localidade. No caso em questão, a moeda seria da América Espanhola. A partir do ano de 1785, entretanto, os Estados Unidos adotaram o sinal do dólar ($) para se referirem ao dinheiro que circulava em suas terras, tomando como referência o peso hispano-americano. Essa adoção aconteceu quase uma década depois da primeira nota de dois dólares ter sido emitida.

Quando da invenção do dólar estadunidense, a principal potência do mundo era a Inglaterra, motivo pelo qual esse país era considerado o centro econômico internacional. Isso significa que os bancos de maior importância do período eram os ingleses, ao mesmo tempo que o modelo de negócios do país era difundido internacionalmente. Tal constatação inclui o padrão ouro, em que a liquidez (ou a garantia) do dinheiro da Inglaterra, a libra ou pound, era lastreada no ouro, ou seja, a sua garantia era assegurada em quantias de ouro equivalentes.

A partir da década de 1930, entretanto, a Inglaterra perdeu o seu papel de centralidade no cenário global, e o mesmo aconteceu com a libra. Um ano mais tarde, o país deixou de lado o padrão ouro. Do outro lado do oceano Atlântico, os Estados Unidos ascenderam internacionalmente, e o dólar começou a ser utilizado para as negociações e para o comércio entre diferentes territórios, sedimentando o caminho para que a moeda norte-americana alcançasse a dominância.

A década de 1940 foi decisiva no que diz respeito à inserção internacional do dólar. Em meio à Segunda Guerra Mundial (1939-1945), aconteceu a Conferência de Bretton Woods na cidade homônima situada no estado de Nova Hempshire, nos Estados Unidos, em 1944.

Dentre as várias resoluções importantes da Conferência de Bretton Woods, que transcorreu durante três semanas e da qual surgiram instituições como o Fundo Monetário Internacional (FMI) e o Banco Mundial, uma delas foi o emprego do dólar como divisa internacional, oficializando o fim do padrão ouro e iniciando, assim, o padrão dólar. A moeda estadunidense se tornou a moeda oficial do comércio e das negociações internacionais, e assim segue até o presente.

Fontes

ADKINS, Troy. Countries Using the US Dollar. Investopedia, 27 set. 2023. Disponível em: https://www.investopedia.com/articles/forex/040915/countries-use-us-dollar.asp.

BCB. Reservas internacionais. Banco Central do Brasil (BCB), [s.d.]. Disponível em: https://www.bcb.gov.br/estabilidadefinanceira/reservasinternacionais.

BELLUZZO, Luiz Gonzaga de Melo. O declínio de Bretton Woods e a emergência dos mercados “globalizados”. Economia e Sociedade, Campinas, SP, v. 4, n. 1, p. 11–20, 2016. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/ecos/article/view/8643205.

BEST, Richard. How the U.S. Dollar Became the World's Reserve Currency. Investopedia, 28 set. 2023. Disponível em: https://www.investopedia.com/articles/forex-currencies/092316/how-us-dollar-became-worlds-reserve-currency.asp.  

Escritor do artigo
Escrito por: Paloma Guitarrara Licenciada e bacharel em Geografia pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) e mestre em Geografia na área de Análise Ambiental e Dinâmica Territorial também pela UNICAMP. Atuo como professora de Geografia e Atualidades e redatora de textos didáticos.

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

GUITARRARA, Paloma. "Dólar"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/economia/dolar.htm. Acesso em 28 de fevereiro de 2024.

De estudante para estudante