Topo
pesquisar

Mito ou verdade: o quiabo ajuda no tratamento da diabetes?

Saúde e Bem-estar

O quiabo não deve ser usado como tratamento para o diabetes, pois não existe comprovação científica sobre os seus benefícios na terapia contra essa doença.
O paciente com diabetes não deve substituir a medicação pela utilização do quiabo
O paciente com diabetes não deve substituir a medicação pela utilização do quiabo
PUBLICIDADE

Recentemente, vários programas e sites vêm informando a respeito dos benefícios do quiabo para pessoas que possuem diabetes. Entretanto, não existe nenhuma evidência científica de que tal fato seja realidade.

A problemática surgiu após um determinado programa de TV exibir um trabalho de um grupo de estudantes que relacionava o quiabo com uma possível melhora no quadro de diabetes. Segundo os alunos, o quiabo diminuía os níveis glicêmicos. A partir daí, uma chuva de receitas surgiu na internet, prometendo a solução imediata e completamente natural para o diabetes.

O diabetes mellitus caracteriza-se por um grupo de distúrbios no metabolismo da glicose, que pode ocorrer em resposta a uma ausência na produção de insulina ou então em razão de uma redução da sensibilidade dos tecidos ao hormônio. Pode gerar diversas complicações vasculares e neurológicas, sendo fundamental que o tratamento seja feito adequadamente e com acompanhamento médico.

Podemos classificar o diabetes mellitus em quatro classes: o tipo 1, o tipo 2, gestacional e outros tipos específicos. O subtipo mais comum é o tipo 2, sendo responsável por cerca de 90% dos casos. A doença pode resultar em cegueira, insuficiência renal, infarto do miocárdio, derrame cerebral, impotência, além de existirem diversos relatos de pacientes que tiveram seus membros amputados em consequência dela.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Até o presente momento, sabemos que a dieta adequada, a perda de peso e exercícios físicos regulares são extremamente benéficos. A respeito da dieta, é de fundamental importância que o diabético tenha uma alimentação adequada para que os níveis glicêmicos mantenham-se equilibrados. Portanto, é essencial que o paciente procure um nutricionalista para orientá-lo corretamente.

É importante que você que possui a doença continue tomando os remédios, seguindo as recomendações de seu médico e evitando o uso de terapias alternativas que não possuem nenhuma comprovação científica. Apesar de não possuir cura, se tratada corretamente, o paciente com diabetes mellitus pode ter uma qualidade de vida relativamente normal.

Por ser uma doença que pode ter complicações, a Sociedade Brasileira de Diabetes lançou uma nota para explicar o motivo de não recomendar a utilização do quiabo para tratamento. Clique aqui e veja o posicionamento da Sociedade Brasileira de Diabetes sobre o assunto!

Por Ma. Vanessa Sardinha

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SANTOS, Vanessa Sardinha dos. "Mito ou verdade: o quiabo ajuda no tratamento da diabetes?"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/saude/o-quiabo-diabetes.htm. Acesso em 26 de junho de 2019.

O aumento dos níveis de glicose no sangue pode ser indicativo de diabetes.
Doenças e patologias Diabetes mellitus
Observe as partes principais do pâncreas, uma importante glândula do corpo humano
Biologia Pâncreas
O quiabo é consumido frito, refogado ou cozido
Saúde e Bem-estar Quiabo
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Brasil Escola