Topo
pesquisar

Pilha de Daniell

Química

A Pilha de Daniell é composta por um eletrodo negativo (ânodo) que cede elétrons para o eletrodo positivo chamado de cátodo. O ânodo é uma placa de zinco mergulhada em uma solução de sulfato de zinco, enquanto que o cátodo é uma placa de cobre mergulhada em uma solução de cobre.
PUBLICIDADE

John Frederic Daniell (1790-1845), químico criador da famosa pilha de Daniell
John Frederic Daniell (1790-1845), químico criador da famosa pilha de Daniell

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

FOGAçA, Jennifer Rocha Vargas. "Pilha de Daniell"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/quimica/pilha-daniell.htm. Acesso em 15 de outubro de 2019.

Assista às nossas videoaulas
Lista de Exercícios
Questão 1

(Unicamp-SP- modificada) Na pilha de Daniel (veja esquema adiante) ocorre a reação:

Zn(s) + Cu2+(aq) ↔  Zn2+(aq) + Cu(s)

Qual das substâncias a seguir, dissolvida em água, você escolheria para colocar no compartimento B a fim de que a pilha possa produzir eletricidade? Justifique.

  1. HCℓ

  2. ZnCℓ

  3. CuSO4

  4. H2SO4

  5. Na2SO4

  6. PbS4

  1. ZnSO4

Questão 2

(FURRN) Na pilha eletroquímica Zn0 / Zn2+ // Cu2+ / Cu0, ocorrem reações de oxirredução. Nesse sistema, pode-se afirmar que:

a) no polo negativo há oxidação de Cu0 a Cu2+.

b) no polo negativo há oxidação de Zn0 a Zn2+.

c) no polo positivo há oxidação de Cu0 a Cu2+.

d) no polo positivo há oxidação de Zn0 a Zn2+.

e) no polo positivo há redução de Zn2+ a Zn0.

Mais Questões
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Brasil Escola