Notificações
Você não tem notificações no momento.
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Confira detalhes sobre o fungo Cordyceps retratado na série The Last Of Us

Série baseada no game premiado estreou ontem (15) na plataforma HBO Max

Em 16/01/2023 15h01 , atualizado em 18/01/2023 13h29
Chá de Cordyceps
Chá de Cordyceps

PUBLICIDADE

A série The Last of Us estreou ontem, 15 de janeiro, na plataforma de streaming HBO Max. O programa é uma adaptação do game homônimo desenvolvido pela Naughty Dog e lançado para as plataformas PlayStation.

Aguardada pelos fãs do videogame, a série é uma das principais apostas para 2023. O diferencial do game The Last of Us é que ele foi inspirado na capacidade dos fungos Cordyceps parasitarem artrópodes e torná-los verdadeiros zumbis.

Como é a série The Last of Us?

Os protagonistas são os atores Pedro Pascal (Joel), que já atuou na série Narcos, e Bella Ramsey (Ellie) que participou de Game of Thrones. A direção fica por conta de Bruce Straley e Neil Druckmann.

A história de The Last of Us ocorre 20 anos após civilização moderna quase ter sido destruída em razão da infecção do fungo Cordyceps, do qual se tinha pouca informação. O fungo era considerado letal e não havia um remédio ou vacina que o controlasse. 

O fungo Cordyceps quase ocasionou na extinção dos humanos. O fungo chegou a controlar a população, tornando-a praticamente zumbi. A consequência é que o planeta quase foi destruído.

Na série, Joel é um sobrevivente contratado para levar Ellie, de apenas 14 anos, para um local onde ela possa ser investigada, uma vez que não contraiu a infecção do fungo.

Entretanto, a tarefa de Joel torna-se exaustiva e repleta de aventuras. Em síntese: os protagonistas de The Last of Us estão ligados e dependem um do outro para sobreviver.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

O que é o fungo Cordyceps da série The Last of Us?

O fungo Cordyceps retratado na série The Last of Us é um gênero de fungos que faz parte do filo Ascomycota. A maioria dos fungos Cordyceps vive dentro de artrópodes, animais invertebrados cujos maiores exemplos são os insetos.

Segundo este artigo da professora de Biologia do Brasil Escola, Vanessa Sardinha dos Santos, os fungos Cordyceps, em geral, infectam artrópodes com seus esporos, os quais se desenvolvem dentro do animal. Inicialmente, o fungo mantém o hospedeiro vivo, mas, após completar a fase sexual do seu ciclo reprodutivo, acaba matando o hospedeiro.

A relação mais conhecida entre os fungos Cordyceps que aparecem na série e game The Last of Us e os artrópodes ocorre entre fungos do complexo Ophiocordyceps unilateralis sensu latu e formigas, as quais se tornam verdadeiros zumbis. 

A professora de Biologia do Brasil Escola, Vanessa Sardinha dos Santos, explica que os fungos Cordyceps se desenvolvem dentro do corpo da formiga, consumindo estruturas musculares do animal. Durante esse momento, a formiga mantém suas atividades normalmente. O fungo continua desenvolvendo-se até atingir o sistema nervoso central, o que ocorre cerca de uma ou duas semanas após a infecção.

"Depois que a formiga é infectada pelo fungo Cordyceps, que aparece na série The Last of Us da HBO Max, a formiga começa a se movimentar de maneira diferente, apresentando movimentos trêmulos e frequentemente caindo dos arbustos que tenta subir. Isso acontece devido às convulsões provocadas pelo fungo", detalha a professora de biologia Vanessa.

A professora conta que, em seguida, a formiga morre após fixar suas mandíbulas na lateral de uma folha ou em outras partes do vegetal. "Após cerca de uma a duas semanas da morte da formiga, observa-se a formação do ascoma para fora do corpo do animal. Os esporos são então produzidos e liberados para o ambiente, podendo, novamente, infectar novas formigas", destaca.

Formiga zumbi infectada pelo fungo Cordyceps.
Os fungos parasitas do complexo Ophiocordyceps unilateralis sensu latu infectam formigas, alterando seu comportamento.

Benefícios do fungo Cordyceps

A série The Last of Us retrata aspectos negativos do fungo Cordyceps. Mas, pesquisas apontam que ele é muito usado na medicina tradicional chinesa, bem como na medicina tradicional japonesa, coreana e indiana.

Na China, por exemplo, o fungo Cordyceps é vendido em pacotes que contêm a larva e o ascoma do fungo e pode ser consumido na forma de chás e sopas.

Veja abaixo os principais benefícios do fungo Cordyceps:

  • Ajuda a melhorar anemia;

  • Reforça a imunidade;

  • Retarda o processo de envelhecimento;

  • Ajuda na recuperação pós-cirúrgica;

  • Apresenta ação antitumoral;

  • Ajuda a combater a impotência sexual.

Por Silvia Tancredi
Jornalista

PUBLICIDADE