Topo
pesquisar

Qual é a cor da água?

Física

A água é uma substância de cor levemente azulada. No entanto, a visualização dessa coloração depende de um processo sofrido pela luz, chamado absorção.
A água do mar assume tons azulados por causa do espalhamento dos comprimentos de onda mais curtos que ocorre nesse meio.
A água do mar assume tons azulados por causa do espalhamento dos comprimentos de onda mais curtos que ocorre nesse meio.
PUBLICIDADE

A água é uma substância de coloração levemente azulada. Diferentemente daquilo que aprendemos, a água não é incolor. É verdade que, ao olharmos para a água dentro de um copo de vidro, ela parece transparente, mas você já observou a coloração de águas profundas como as de rios ou mares? Confira neste artigo a explicação para as diferenças de coloração desse líquido tão importante.

Veja também: Radiação e matéria


Cor da água e absorção de luz

O tom azulado da água origina-se da absorção da luz que incide sobre ela. A água tende a absorver melhor os comprimentos de onda mais longos da luz, como os dos tons laranja e vermelho. Ondas eletromagnéticas de menores comprimentos e, consequentemente, maiores frequências, como os tons azulados, não são absorvidas pela água e acabam sendo parcialmente refletidas (é comum o uso do termo espalhamento da luz, nesse caso). O conjunto de comprimentos de onda que um corpo ou uma substância tende a absorver quando iluminado é chamado de espectro de absorção.


Na figura acima, é possível observar os raios de luz sofrendo espalhamento dentro d’água.

Em relação à radiação visível, a água é uma substância bastante transparente, isso é, a luz propaga-se em seu interior sem sofrer grandes absorções, e é por isso que a tonalidade azul da água só pode ser observada em grandes profundidades.

Veja também: A cor da luz

Quando a luz percorre pequenas distâncias no interior do meio líquido, este não é capaz de absorver significativamente nenhuma parcela das cores do espectro visível, assim como no caso da água quando colocada dentro de um copo de vidro.

A água não é capaz de emitir qualquer tipo de radiação visível, somente absorvê-la ou refleti-la. É por isso que dizemos que a água é uma fonte secundária de luz. Essa propriedade indica que a cor da água depende da luz que incide sobre ela. Portanto, se a luz branca percorrer distâncias consideráveis no meio aquoso, esse meio apresentará tons azulados, devido à absorção das cores laranja e vermelho. Se você quiser entender mais sobre o processo de absorção da luz e sua relação com a cor dos objetos, acesse o artigo As cores e a frequência da luz.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Você já deve ter percebido também que, quando a água está em movimento, como nas ondas que se quebram na praia ou ainda nas cristas das ondas, sua coloração tende a ficar branca. Isso ocorre porque há diluição do ar atmosférico entre as moléculas de água, diminuindo ainda mais o processo de absorção de luz. A diminuição do processo de absorção da luz torna o fenômeno de reflexão mais evidente: como todas as cores são refletidas de forma igual, a água apresenta tons claros, próximos ao da cor branca. Observe:

Quando a água é agitada, gases atmosféricos são presos em seu interior. Esse processo diminui a capacidade da água em absorver a luz.

Os cubos de gelo tendem a ficar brancos em seu interior por um processo similar ao da água em movimento: a água começa a congelar de fora para dentro, aprisionando impurezas e moléculas dos gases atmosféricos diluídas em seu conteúdo na região central. Por ser a última a congelar, essa região apresenta um aspecto leitoso. Uma forma de produzir gelo transparente é fervendo-se a água antes de congelá-la, o que removerá, parcialmente, o gás diluído.

Por Rafael Helerbrock
Graduado em Física

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

HELERBROCK, Rafael. "Qual é a cor da água?"; Brasil Escola. Disponível em <https://brasilescola.uol.com.br/fisica/qual-cor-agua.htm>. Acesso em 16 de novembro de 2018.

  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Brasil Escola