Topo
pesquisar

Texto icônico

Redação

O texto icônico pode constar de elementos linguísticos ou não, sendo representado por textos verbais ou por signos que mantenham seu significado.
Os textos icônicos fazem referência a um signo que representa um objeto por similaridade, imbuindo-se de seu significado
Os textos icônicos fazem referência a um signo que representa um objeto por similaridade, imbuindo-se de seu significado
PUBLICIDADE

Antes de iniciarmos nossa explicação sobre textos icônicos, falemos, primeiramente, sobre o significado da palavra ícone. Certamente você já ouviu essa palavra antes, pois ela está relacionada com o universo da informática, cujos símbolos podem representar softwares e atalhos específicos. Mas, não se engane, o ícone é também objeto de estudo da semiótica, esfera do conhecimento que revela as formas como o indivíduo dá significado a tudo que o cerca.

Ícone é o signo que representa o objeto por similaridade por possuir as mesmas características que o objeto. Mesmo que o objeto desapareça, o ícone mantém seu significado. Sendo assim, os textos icônicos podem constar de elementos não linguísticos, sendo representados por imagens, gravuras, charges e esculturas, por exemplo, desde que esses elementos não verbais veiculem uma mensagem. É importante ressaltar que se entende por texto a expressão de um conjunto linguístico em um ato de comunicação, podendo ser transmitido por sinais, até mesmo os sinais linguísticos. Leia abaixo o texto que nos servirá de exemplo:

Enquanto sorvia o café quente e forte, sentado à mesa de uma alameda parisiense, observava a mulher sentada à mesa próxima às margens do rio. Parecia uma figura solitária, assim como ele, tendo por companhia apenas seus pensamentos e seu chá. A mulher experimentava calmamente a bebida como se por ela não esperasse nenhum compromisso, como se não houvesse horário a cumprir ou qualquer outra obrigação diária. Assim ele permaneceu por uma soma indefinida de tempo, imitando a placidez da figura feminina que observava. Acreditou que por ele o relógio também pudesse esperar, como se não houvesse nada além da própria contemplação da vida.

Exposto dessa maneira, o texto que você acabou de ler parece não fazer muito sentido, não é mesmo? Não representa nada mais do que ideias desconexas elencadas em uma sequência de frases. Isso acontece não porque a mensagem careça de inteligibilidade, mas porque o texto está exposto fora de um contexto que o criou. Observe agora o texto icônico que confere sentido ao texto verbal:

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

O texto icônico pode depender do contexto situacional que o criou
O texto icônico pode depender do contexto situacional que o criou

Enquanto sorvia o café quente e forte, sentado à mesa de uma alameda parisiense, observava a mulher sentada à mesa próxima às margens do rio. Parecia uma figura solitária, assim como ele, tendo por companhia apenas seus pensamentos e seu chá. A mulher experimentava calmamente a bebida como se por ela não esperasse nenhum compromisso, como se não houvesse horário a cumprir ou qualquer outra obrigação diária. Assim ele permaneceu por uma soma indefinida de tempo, imitando a placidez da figura feminina que observava. Acreditou que por ele o relógio também pudesse esperar, como se não houvesse nada além da própria contemplação da vida.

Um texto icônico também pode ser autoexplicável, isto é, pode substituir uma situação e recuperar a coerência de um texto sem que esteja completamente atrelado a ele no que se refere à construção de sentidos. Observe o exemplo de texto icônico não verbal:

Calvin e Haroldo, de Bill Watterson. Um texto icônico pode ser autoexplicável, não necessitando de um texto verbal para ser coerente
Calvin e Haroldo, de Bill Watterson. Um texto icônico pode ser autoexplicável, não necessitando de um texto verbal para ser coerente

Observou que a construção de sentidos da imagem acima depende exclusivamente dos ícones, sem que a eles estejam atrelados qualquer tipo de texto verbal? Clique aqui e veja um belo exemplo de texto icônico!


Por Luana Castro
​Graduada em Letras

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

PEREZ, Luana Castro Alves. "Texto icônico"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/redacao/texto-iconico.htm. Acesso em 20 de agosto de 2019.

  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Brasil Escola