Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

O que é especiação?

O que é?

Entender o que é especiação é importante para compreender melhor os processos evolutivos e o surgimento de novas espécies.
Especiação é o termo usado para indicar o processo de formação de novas espécies
Especiação é o termo usado para indicar o processo de formação de novas espécies
PUBLICIDADE

Especiação é o termo usado para referir-se à divisão de uma linhagem que produz duas ou mais espécies diferentes. De uma maneira resumida, podemos dizer que se trata do processo de surgimento de uma nova espécie, e o evento crucial para que isso aconteça é o isolamento reprodutivo. Esse isolamento reprodutivo impede o fluxo gênico, por isso, obedecendo ao conceito biológico de espécie, dizemos que uma nova espécie surgiu.

De que forma ocorre a especiação?

Existem três tipos básicos de especiação:

  • Alopátrica: A especiação alopátrica diz respeito à especiação por isolamento geográfico. Nesse caso, temos uma barreira física ou uma grande distância (barreira geográfica) que surge impedindo o contato entre indivíduos que anteriormente eram de uma mesma população. Essa separação faz com que os indivíduos sejam impedidos de acasalar-se, levando a uma diminuição do fluxo gênico. Por sofrerem pressões seletivas distintas, observam-se mudanças nesses organismos, além de poderem surgir mecanismos de isolamento reprodutivo, levando à especiação. Esse tipo de especiação é o modelo mais aceito para o surgimento de novas espécies animais.

    Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)
    • Efeito fundador ou especiação peripátrica: Um tipo especial de especiação alopátrica é quando um pequeno grupo de indivíduos separa-se da população grande original. Nessas pequenas populações, a especiação ocorre mais rápido devido à ação da deriva genética. Entretanto, em razão do número reduzido de indivíduos, o que ocorre normalmente é a sua extinção.

  • Simpátrica: A especiação simpátrica ocorre sem que haja a separação geográfica. Nesse caso, duas populações coexistem em um mesmo território, porém sem haver cruzamento entre os indivíduos das diferentes populações. Geralmente, logo no início, acontecem modificações que impedem o cruzamento, portanto, ocorre um isolamento reprodutivo inicial.

  • Parapátrica: Nesse tipo de especiação, verificam-se duas populações vivendo em áreas contíguas com diferenças ecológicas, sem a existência de nenhuma barreira geográfica. Pode-se perceber, nesse caso, uma região de contato em que há cruzamento, levando ao surgimento de indivíduos híbridos e à falta de intercruzamento nos extremos da população. A zona híbrida pode funcionar como barreira, impedindo o fluxo gênico entre as populações que estão se diferenciando.


Por Ma. Vanessa dos Santos

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SANTOS, Vanessa Sardinha dos. "O que é especiação?"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/o-que-e/biologia/o-que-e-especiacao.htm. Acesso em 06 de dezembro de 2021.

Assista às nossas videoaulas
Artigos Relacionados
Você sabe o que é espécie? Clique aqui e amplie seus conhecimentos sobre esse difícil conceito que intriga cientistas.
Compreenda os processos que levam à especiação.
Responda aos exercícios sobre o conceito biológico de espécie e veja se você sabe dizer o que é uma espécie segundo a comunidade científica.
Clique aqui para resolver exercícios sobre especiação e testar o que você aprendeu sobre a especiação alopátrica, simpátrica e parapátrica.