Topo
pesquisar

Empresas Transnacionais

Geografia

As empresas que instalam filiais fora de seu país de origem são classificadas como empresas transnacionais.
PUBLICIDADE

Empresas que possuem matriz em seu país de origem e atuam em outros países através da instalação de filiais, são classificadas como empresas transnacionais. O termo transnacional substitui o termo multinacional, pois o último pode ser interpretado como se a empresa pertencesse a várias nações, já o primeiro relaciona-se ao fato de a empresa ultrapassar os limites territoriais de sua nação para atuar no mercado exterior.

As primeiras empresas transnacionais surgiram no final do século XIX, entretanto, só atingiram o auge de atuação mundial após a Segunda Guerra Mundial. A maior parte das empresas transnacionais é de origem de países industrializados, que após terem conquistado o mercado interno montaram filiais em outros países, principalmente nos países em desenvolvimento.
 


Empresas Transnacionais

Para os países em desenvolvimento, a instalação dessas empresas em seu território é um fator positivo, pois gera novos postos de trabalho, além de promover a industrialização na região.

Por sua vez, as transnacionais utilizam como critérios para montar suas filiais, locais com potencial de mercado consumidor, infraestrutura, matéria-prima, energia e mão de obra barata, além de possíveis doações de terrenos e isenções de impostos.

Os investimentos realizados por essas empresas são elevados, e o retorno financeiro é satisfatório em decorrência de uma série de motivos que foram citados anteriormente. O lucro é destinado a investimentos para a instalação de novas filiais, e outra parte é direcionada à matriz.

A globalização é um processo de fundamental importância para a atuação das empresas transnacionais, pois proporciona todo o aparato técnológico para os serviços de telecomunicação, transporte, entre outros, fatores essenciais para a realização eficaz das atividades econômicas em escala global.

Atualmente há registro de, aproximadamente, 40.000 empresas transnacionais em atividade, sendo a maioria originária dos países industrializados, no entanto, existem empresas de origem indiana, mexicana e brasileira.
Exemplos de empresas transnacionais com matriz no Brasil são: Vale do Rio Doce, Sadia, Perdigão, Weg, Alpargatas e Gerdau.

Empresas transnacionais conhecidas mundialmente: Coca Cola, Pepsi, Unilever, Mc Donald’s, Nestlé, Nike, Adidas, Puma, Volkswagen, General Motors, Toyota, Nokia, Sony, Siemens, Peugeot, Vivo, entre outras.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

______________
*Créditos da imagem: BrooklynScribe / shutterstock

Por Wagner de Cerqueira e Francisco
Graduado em Geografia

A Pepsi é uma empresa transnacional*
A Pepsi é uma empresa transnacional*

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

FRANCISCO, Wagner de Cerqueria e. "Empresas Transnacionais"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/geografia/empresas-transnacionais.htm. Acesso em 17 de novembro de 2019.

Lista de Exercícios
Questão 1

Assinale a alternativa que NÃO se refere a uma característica presente nas empresas multinacionais ou transnacionais:

a) mobilidade territorial internacional.

b) busca por redução nos custos de produção.

c) emprego de mão de obra qualificada e cara.

d) instalação de sedes, geralmente, em cidades globais.

Questão 2

Quando estudado o surgimento de qualquer multinacional típica, nota-se que primeiramente esta passou por um período de dominação do mercado interno. No seu caminho em direção a esta supremacia na sua área específica, uma determinada empresa - futura multinacional - se vale de todos os elementos possíveis para diminuir o número de concorrentes e, consequentemente, o número de participantes com quem terá que dividir as fatias do bolo "lucros".

(Portal Economia.net. Multinacionais. Disponível em: http://www.economiabr.net/economia/5_multinacionais.html)

Uma estratégia muito comum utilizada pelas empresas transnacionais para o controle dos mercados é:

a) a baixa dos preços das mercadorias e serviços para aquém de seus custos de produção.

b) a realização de políticas sociais que disseminam propagandas positivas para as grandes marcas.

c) a organização de cartéis internacionais não regulamentados por organizações supranacionais.

d) a fusão ou compra de empresas concorrentes ou até de setores diferentes (trustes).

e) a difusão de produtos de maior qualidade em relação aos seus adversários no mercado.

Mais Questões
Tem crescido o número de empresas brasileiras atuando no mercado internacional.
Geografia do Brasil Transnacionais brasileiras
Economia e Finanças Multinacional
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Brasil Escola