Topo
pesquisar

Agricultura e os recursos naturais

Geografia

A agricultura pode ser considerada uma das primeiras formas de apropriação dos recursos naturais realizada pela humanidade.
O desenvolvimento das atividades agrícolas propiciou novas tecnologias, mas trouxe inúmeros danos ao meio ambiente
O desenvolvimento das atividades agrícolas propiciou novas tecnologias, mas trouxe inúmeros danos ao meio ambiente
PUBLICIDADE

Há milênios os seres humanos aprenderam a intervir na natureza e a lidar com a técnica de cultivar espécies para a utilização e consumo próprios. O desenvolvimento das atividades agrícolas propiciou o uso de novas tecnologias, que aos poucos foram substituindo o modo secular e rudimentar de plantio. A explosão demográfica ocorrida a partir do início do século XX e o crescimento acelerado da atividade industrial exigiram o aumento da produção agrícola em larga escala. 

No Brasil, como em outros países em desenvolvimento, é comum a prática da monocultura. Por se tratar de um país que historicamente construiu sua estrutura econômica em atividades primárias, o Brasil faz uso dessas práticas de produção agrícola em larga escala. Essa atividade é prejudicial, pois não há diversidade de espécies e, na grande maioria, o tempo de repouso do solo não é respeitado, o que acelera a perda de nutrientes. A uniformização ou homogeneização fez desaparecer a diversidade biológica nas áreas destinadas aos latifúndios. Além disso, este desequilíbrio ocasionado pela ação antrópica propiciou o aumento do número de pragas, interferindo em toda cadeia trófica.

A Revolução Verde, em meados da década de 1970, deu início a um conjunto de novas práticas agrícolas, como o uso de pesticidas e de fertilizantes para promover a agricultura de larga escala. Dizia-se na época que a Revolução Verde produziria o suficiente para “matar a fome do mundo”. Evidentemente, esse modelo agrícola atendeu apenas as necessidades dos produtores e de empresas ligadas à cadeia produtiva agrícola, simplesmente sob a ótica econômica.

O aumento assustador de espécies predadoras em associação com as novas tendências trazidas pela Revolução Verde estimulou a utilização de adubos e praguicidas. Entre os praguicidas mais utilizados, podemos citar o DDT (dicloro-difenil-tricloroetileno). O uso dessas substâncias tem aspectos positivos para o homem, mas são extremamente nocivos para o meio ambiente. Essas substâncias, entre outras utilizadas para o mesmo fim, não são biodegradáveis e podem permanecer no solo durante anos. Além da contaminação dos solos, esses elementos contaminam as águas superficiais e subterrâneas, carregando toxinas para outros ecossistemas. As toxinas estão presentes até nos alimentos e, uma vez contaminados, são transferidos para os homens através do consumo destes, podendo acarretar até em morte.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

A utilização de máquinas também é danosa para os sistemas agrícolas. Elas afetam principalmente os solos, que são frequentemente revolvidos, alterando seus horizontes e compactando-os gradativamente. Aos poucos, o solo fica completamente danificado, compactado e empobrecido.

Nos últimos anos, vem ocorrendo um forte movimento em defesa da produção ecológica de produtos agrícolas. A agroecologia corresponde a uma nova abordagem da agricultura, que integra os aspectos econômicos aos ecológicos. Dessa forma, temos novas práticas, como a agricultura orgânica, a agricultura biodinâmica, a agricultura natural, a permacultura e a pecuária agroecológica. Essas modalidades buscam a compreensão do ecossistema como um todo, não se detendo apenas a atividade em questão, mas à conservação de todos os recursos naturais envolvidos, como nascentes, espécies nativas e matas de galeria.

Apesar dos benefícios presentes nos sistemas agroecológicos, esse é um movimento ainda incipiente. Há órgãos institucionais no Brasil, como a EMBRAPA (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária), organizações não governamentais e instituições privadas que desenvolvem inúmeras pesquisas voltadas para o assunto. Nesses órgãos, são desenvolvidas técnicas de controle natural de pragas, tolerância de vegetais a insetos, por meio da hibridação e a rotação de culturas.


Júlio César Lázaro da Silva
Colaborador Brasil Escola
Graduado em Geografia pela Universidade Estadual Paulista - UNESP
Mestre em Geografia Humana pela Universidade Estadual Paulista - UNESP

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SILVA, Júlio César Lázaro da. "Agricultura e os recursos naturais"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/geografia/agricultura-os-recursos-naturais.htm. Acesso em 23 de julho de 2019.

Lista de Exercícios
Questão 1

 “Ao mesmo tempo que libera mão de obra para as atividades urbano-industriais, a agricultura deve responder pela produção de uma quantidade crescente de alimentos para a população urbana. Menos pessoas produzindo no campo, mais pessoas consumindo nas cidades: isso só foi possível graças ao aumento exponencial da produtividade agrícola. A economia industrial deflagrou uma verdadeira revolução nas tecnologias da agropecuária”.

(MAGNOLI, D. Geografia para o Ensino Médio. São Paulo: Atual, 2008. p.133)

Assinale a alternativa que apresenta os dois processos que estão associados à conjuntura abordada no texto:

a) Reforma urbana e políticas ambientais no campo

b) Desenvolvimento sustentável e revolução industrial

c) Revolução verde e êxodo rural

d) Reforma agrária e revolução agrícola

e) Economia verde e concentração fundiária

Questão 2

Observe as imagens a seguir e assinale a alternativa correta:

Espaço agrícola mecanizado
Espaço agrícola mecanizado

​Trabalhadores no campo
Trabalhadores no campo

a) a imagem A representa um agrossistema familiar predominante em minifúndios de países desenvolvidos.

b) a imagem B ilustra uma forma de agricultura orgânica e sustentável.

c) as imagens A e B representam, respectivamente, um agrossistema moderno e um tradicional.

d) as práticas ilustradas em ambas as figuras não podem ser relacionadas com a agricultura brasileira.

e) a atividade representada pela atividade B é exclusiva de países desenvolvidos.

Mais Questões
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Brasil Escola