Notificações
Você não tem notificações no momento.
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Tábuas do Skate

Imprimir
Texto:
A+
A-
Ouça o texto abaixo!

PUBLICIDADE

Tábua, madeira, shape, decks, ... são vários os nomes para o componente mais importante do skate. O “board” do skateboard.
No Brasil é conhecido como shape, enquanto que na terra do Tio Sam é chamada “deck”.

No início do esporte, eram feitas de madeiras sólidas, muitas delas de carvalho.

No final, da década de 70, surgiram as primeiras madeiras laminadas, que suportaram a evolução do tempo, estando presentes até hoje no esporte.

A tábua, em comparação com os outros 3 elementos do skate (rodas, rolamentos e eixos), é o que mais frequentemente se repõe, já que alumínio e uretano são mais resistentes que madeira.

Os desenhos mudaram dramaticamente durante esses anos. Hoje, as formas tendem a ser todas parecidas, com bordas retas e desenhos simétricas, enquanto que há dez anos atrás, podia se encontrar vários tipos de shapes e tamanhos.

Então o skate mudou. Nos anos 90, surgiu a necessidade de tábuas mais simétricas para se adaptarem ao esporte que progredia rapidamente, num novo estilo.

Com o advento das manobras de “flip” e “noseslide”, requeriam tábuas mais estreitas, com bicos mais longos, que antigamente tinham cerca de 2 1/2 polegadas, eventualmente cresceram e superaram o comprimento da rabeta (ou seja, atualmente, o bico é maior que a rabeta).

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Um fator importante nas tábuas de skate é a distância entre os eixos (wheelbase), que determina o tipo de curva que o skate faz e por consequência , seu fucinamento.

Quanto menor o wheelbase, mais curtas as curvas. Quanto maior, mais longas as curvas.
A escolha vai variar de acordo com a modalidade a ser praticada.

Atualmente, as tábuas de skate são feitas de folhas coladas e posteriormente cortadas. Na sua maioria, são constituidas de 7 folhas de Maple, madeira que cresce no frio do continente Norte Americano, que são preparadas em lâminas fazendo as folhas a serem usadas nos skate — 5 delas com o veio correndo do bico para a rabeta, e 2 no sentido lateral.

Essas folhas são unidas c/ cola especial, colocadas numa prensa, c/ a forma desejada, - nessa fase é que é feita o “kick” do “tail”, do “nose” e o “concave” (a angulação do bico, da rabeta e a parte côncava).

Depois de secas, estas peças retangulares são furadas, recortadas na forma desejada, lixadas, recebem acabamento e os gráficos são estampados.

Atualmente, a maioria dos tábuas de skate são muito parecidas entre si.

As variações estão ente as formas, distância dos eixos, quantidade de angulação no bico e na rabeta e os “concaves”, que podem ser mais suaves ou mais acentuados.

Analise esses elementos ao fazer a escolha da tábua para montar o seu skate.

Texto escrito para:
Site da Nescau, 2000
Cesinha Chaves

Escritor do artigo
Escrito por: Brasil Escola Escritor oficial Brasil Escola

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

ESCOLA, Brasil. "Tábuas do Skate"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/educacao-fisica/tabuas_skate.htm. Acesso em 23 de junho de 2024.

De estudante para estudante