Notificações
Você não tem notificações no momento.
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Microbiologia

A microbiologia estuda os micro-organismos, ajudando-nos a compreender melhor a taxonomia, morfologia, fisiologia, ecologia e a evolução desses seres vivos.

Homem de touca, máscara e jaleco utilizando um microscópio, aparelho usado na microbiologia; ao lado, pipetas e outra pessoa.
O desenvolvimento da microbiologia só foi possível com a invenção dos microscópios.
Imprimir
Texto:
A+
A-
Ouça o texto abaixo!

PUBLICIDADE

Microbiologia é a ciência que estuda os micro-organismos, seres vivos tão pequenos que podem ser vistos apenas com a ajuda de microscópios. O desenvolvimento desse ramo da Biologia iniciou-se a partir da invenção dos microscópios, os quais possibilitaram a visualização desses pequenos seres, o entendimento de como eles se comportam e o papel de cada um desses organismos no meio ambiente. A depender do micro-organismo estudado, podemos subdividir a microbiologia em virologia, bacteriologia, protozoologia, ficologia e micologia.

Leia também: Bioquímica — ramo da Biologia que se desenvolveu com a descoberta do DNA

Tópicos deste artigo

Resumo sobre microbiologia

  • Microbiologia é a ciência que estuda organismos microscópicos.

  • O desenvolvimento dessa ciência está diretamente relacionado com o desenvolvimento dos microscópios.

  • Leeuwenhoek ficou consagrado como o pai da microbiologia.

  • A depender do micro-organismo estudado, podemos subdividir a microbiologia em virologia (estudo dos vírus), bacteriologia (estudo das bactérias), protozoologia (estudo dos protozoários), ficologia (estudo das algas) e micologia (estudos dos fungos).

O que é microbiologia?

Microbiologia (do grego mikros, “pequeno”; bios, “vida”; e logos, “ciência”) é o ramo da Biologia responsável pelo estudo dos seres microscópicos, ou seja, os micro-organismos. Nessa ciência, investigam-se aspectos como a fisiologia, morfologia, ecologia, taxonomia e evolução de diferentes organismos que não podem ser vistos pelo homem a olho nu.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

A invenção do microscópio e os estudos da microbiologia

A microbiologia é uma ciência que estuda organismos que só podem ser vistos com auxílio de microscópio. Baseando-se nessa definição, fica claro que esse ramo da Biologia só surgiu e se desenvolveu após a criação e aperfeiçoamento desse importante equipamento. Entretanto, é importante salientar que desde a Antiguidade acredita-se que organismos bastante pequenos existiam, porém ninguém podia comprovar tal afirmação.

Não há um consenso a respeito de quem foi o grande inventor do microscópio. Entretanto, muitos consideram Antony van Leeuwenhoek como o responsável por essa invenção. Leeuwenhoek era comerciante de tecidos e usava o equipamento para verificar a qualidade dos produtos que desejava adquirir. Ele, no entanto, não utilizava o microscópio apenas para visualizar tecidos, ficando conhecido por observar diferentes estruturas vivas.

Leeuwenhoek relatou, por exemplo, que em uma gotícula ele foi capaz de verificar a existência de uma série de “animálculos”. Por descrever uma série de estruturas microscópicas e micro-organismos, Leeuwenhoek ficou consagrado como o pai da microbiologia. Seus relatos possibilitaram o início de uma série de estudos que nos levaram aos conhecimentos atuais sobre diferentes micro-organismos. Nos últimos anos, a microbiologia tem avançado bastante, entretanto há muito conhecimento sobre o tema ainda a ser produzido.

Veja também: Penicilina — poderoso antibiótico descoberto acidentalmente por Alexander Fleming

Quais seres vivos a microbiologia estuda?

Os micro-organismos estudados pela microbiologia são:

  • os vírus;

  • as bactérias;

  • os protozoários;

  • as algas;

  • os fungos.

Áreas de estudo da microbiologia

A depender do micro-organismo estudado, podemos subdividir a microbiologia em virologia, bacteriologia, protozoologia, ficologia e micologia.

Virologia

É um ramo da microbiologia que estuda os vírus. Os vírus são organismos acelulares, ou seja, que não possuem célula. Esses seres vivos não são capazes de se reproduzirem sozinhos, necessitando para isso de uma célula hospedeira, motivo pelo qual são chamados de parasitas intracelulares obrigatórios.

Alguns vírus podem causar doenças nos seres humanos, sendo essas doenças chamadas de viroses. São exemplos de viroses o sarampo, rubéola, herpes, caxumba, catapora, gripe, covid-19, poliomielite, raiva, varíola, febre amarela, dengue, hepatite e aids.

Bacteriologia

É um ramo da microbiologia que estuda as bactérias. Bactérias são organismos procariontes, ou seja, que não possuem núcleo verdadeiro, e unicelulares, que possuem apenas uma célula. As bactérias são micro-organismos que apresentam grande importância econômica e ambiental.

Ilustração 3D de lactobacillus, bactérias em formato de bastão, organismos estudados pela microbiologia.
Bactérias são organismos unicelulares e procariontes.

Junto aos fungos, as bactérias são responsáveis pelo processo de decomposição. Além disso, auxiliam na digestão de ruminantes e participam do ciclo do nitrogênio, absorvendo esse elemento diretamente do ar.

No que diz respeito à importância econômica, não podemos deixar de citar o uso farmacêutico, na indústria de cosméticos e até mesmo na nossa alimentação. Entretanto, as bactérias também são responsáveis por provocar doenças, tais como botulismo, diarreias, cólera, hanseníase, sífilis e gonorreia.

Protozoologia

É um ramo da microbiologia que estuda os protozoários. Os protozoários são organismos unicelulares, eucariontes (possuem núcleo verdadeiro) e que não apresentam clorofila, não realizando, portanto, fotossíntese.

Uma forma de classificar os protozoários é utilizando como critério a forma como esses organismos se locomovem. Dentre as formas de locomoção destacam-se as realizadas por meio de flagelos, cílios e pseudópodes.

Protozoários participam das cadeias alimentares dos ecossistemas em que estão inseridos e são conhecidos como bons indicadores de qualidade de água. Algumas espécies podem causar doenças, como amebíase, doença de Chagas, giardíase, leishmaniose, malária e toxoplasmose.

Ficologia

É um ramo da microbiologia que estuda as algas. Algas são organismos fotossintetizantes, eucariontes e que podem apresentar uma (unicelulares) ou mais células (pluricelulares). Do ponto de vista ecológico, as algas são importantes para a manutenção dos níveis de oxigênio, participam de cadeias alimentares e são ótimas indicadoras ambientais. Economicamente, as algas apresentam diferentes usos, podendo ser aproveitadas na indústria de alimentos, de cosméticos e farmacêutica.

Micologia

É um ramo da microbiologia que estuda os fungos. Fungos são organismos eucariontes, que podem ser unicelulares ou pluricelulares e que se alimentam por absorção, não apresentando clorofila em seu corpo. Os fungos participam, junto às bactérias, da decomposição de matéria orgânica no ambiente. No que diz respeito à importância econômica, os fungos são conhecidos por serem usados na alimentação, na produção de bebidas e na indústria farmacêutica.

Importância da microbiologia

O estudo dos seres microscópicos é extremamente importante para compreendermos diferentes processos que ocorrem na natureza, como, por exemplo, a ciclagem de nutrientes. Também ajuda a entender como algumas doenças ocorrem em nosso corpo e de que maneiras podemos tratá-las, uma vez que vários micro-organismos são patogênicos.

A microbiologia também permitiu o aproveitamento econômico de diferentes micro-organismos, os quais hoje são utilizados, por exemplo, na indústria farmacêutica, alimentícia e cosmética.

 

Por Vanessa Sardinha dos Santos
Professora de Biologia 

Escritor do artigo
Escrito por: Vanessa Sardinha dos Santos Possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual de Goiás (2008) e mestrado em Biodiversidade Vegetal pela Universidade Federal de Goiás (2013). Atua como professora de Ciências e Biologia da Educação Básica desde 2008.

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SANTOS, Vanessa Sardinha dos. "Microbiologia"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/biologia/microbiologia.htm. Acesso em 23 de maio de 2024.

De estudante para estudante