Fundo Menu
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon
Ervilha (Pisum sativum): fruto seco deiscente
Ervilha (Pisum sativum): fruto seco deiscente
Imprimir
Texto:
A+
A-

PUBLICIDADE

O ovário amadurecido da flor, geralmente após a fecundação, dá origem ao fruto. Nos casos em que não há fecundação, ele é chamado de fruto partenocárpico, como é o caso das bananas.

A parede de um fruto é denominada pericarpo. Ele é dividido em epicarpo, que seria a sua “casca”; o mesocarpo, geralmente comestível; e o endocarpo.
 

 


Os frutos podem ser do tipo:

- Simples: quando são originários de uma flor dotada de um único ovário. Ex.: berinjela.

- Agregado: quando são originários de uma flor dotada de vários ovários. Ex.: Framboesa.

- Múltiplo: quando são originários de ovários de mais de uma flor. Ex.: abacaxi.

Quanto à consistência de seu pericarpo, podem ser divididos em frutos carnosos e frutos secos.

Frutos carnosos são classificados em:

- Baga: várias sementes, facilmente separáveis do fruto. Ex.: laranja, berinjela e goiaba.

- Drupa: formam caroço, geralmente em volta da única semente contida no fruto. Ex.: azeitona, manga e coco-da-baía.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Frutos secos são classificados em:

- Deiscentes: quando maduros, abrem-se naturalmente e liberam as sementes. Ex.: vagens de feijão e ervilha.

- Indeiscentes: não se abrem quando estão maduros. Ex.: girassol, arroz e tipuana.

O fruto, além de proteger a semente, uma vez que a recobre, exerce um papel fundamental em sua dispersão. Isso porque muitos deles possuem adaptações que auxiliam nesse processo, como as estruturas dos carrapichos, que permitem, por exemplo, com que grudem nos pelos de animais e sejam levados a longas distâncias. O coco-da-baía e sua capacidade de reter ar, facilitando seu transporte pela água; e a presença de pericarpo suculento em frutos como a goiaba, atraindo animais que, após se alimentarem, podem disseminar as sementes em novos locais; são outros exemplos.

Por Mariana Araguaia
Graduada em Biologia
Equipe Brasil Escola

Botânica - Biologia - Brasil Escola

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

ARAGUAIA, Mariana. "Fruto"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/biologia/fruto.htm. Acesso em 05 de julho de 2022.

De estudante para estudante


Qual a função da célula?

Por Brasil Escola
Responder
Ver respostas

Qual o animal mais perigoso do mundo?

Por Brasil Escola
Responder
Ver respostas

Videoaulas


Lista de exercícios


Exercício 1

(Uerj) No preparo de uma sopa foram utilizados 3 kg de tomate, 2 kg de berinjela, 1 kg de abobrinha, 1 kg de pimentão, 3 kg de vagens de ervilha, 1 kg de couve-flor e 1 kg de brócolis. A sobremesa foi preparada com 6 kg de laranja. Considerando o conceito botânico de fruto, a quantidade total, em kg, de frutos usados nesta refeição, foi igual a:

a)      6

b)      9

c)       13

d)      16

Exercício 2

(PUC-SP) Um estudante do Ensino Médio analisou as seguintes plantas:

I.                    Samambaia

II.                  Pinheiro

III.                Musgo

IV.                Laranjeira

Com relação a elas, fez cinco afirmações. Assinale a única incorreta.

a)      Apenas duas dessas plantas apresentam processo de polinização.

b)      Apenas uma dessas plantas não apresenta raiz, caule e folhas diferenciados.

c)       Todas essas plantas apresentam tecidos condutores de seiva.

d)      Apenas uma dessas plantas apresenta fruto.

e)      Apenas duas dessas plantas apresentam semente.

PUBLICIDADE

Estude agora


Quem foi Nelson Mandela?

Assista a nossa videoaula para conhecer a história de Nelson Mandela (1918-2013). Confira também, no nosso...

Área da esfera

Nesta videoaula, vamos realizar a demonstração para o cálculo da área de uma esfera e resolveremos um...