Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Poluentes aquáticos mais comuns

Química

Quais os riscos deste lixo para a água?
Quais os riscos deste lixo para a água?
PUBLICIDADE

Se fôssemos enumerar os tipos de poluentes que se fazem presentes em rios, lagos e mares, gastaríamos tempo impreciso e não seria possível determinarmos todos. Vamos tratar aqui dos tipos mais comuns de impurezas que acometem águas fluviais.

Os resíduos provenientes de aterros e esgotos são os grandes responsáveis pela desordem ambiental com a qual nos deparamos hoje. Para quem não sabe, aterro é a disposição ou aterramento do lixo sobre o solo. Dentre os compostos químicos tóxicos presentes nestes locais, estão os hidrocarbonetos clorados (tetracloretos de carbono), benzeno e tolueno, sendo estes últimos, apontados como cancerígenos.

Os compostos citados acima encontram-se presentes em lixos industriais, lixos domésticos e principalmente em lixos comerciais. Vejamos de qual tipo de lixo provêm os principais poluentes aquáticos:

Solventes orgânicos: provenientes de tintas à base de óleo, de aquecedores, inseticidas e pesticidas, e até de removedores de esmalte para unhas.

Metais pesados: oriundos de baterias de automóveis, estas são responsáveis pela contaminação por chumbo, mercúrio e ainda ácido sulfúrico.

Isótopos radioativos: são subprodutos de detectores de incêndio e da própria fumaça.

Medidas já estão sendo tomadas pelas autoridades governamentais visando ao combate de materiais perigosos lançados em aterros, evitando assim a contaminação do fornecimento de água. Dentre as alternativas viáveis, estão a reciclagem e a incineração.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Por Líria Alves
Graduada em Química
Equipe Brasil Escola

Veja mais!
Como a poluição termal afeta as espécies aeróbicas?

Química Ambiental - Química - Brasil Escola

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SOUZA, Líria Alves de. "Poluentes aquáticos mais comuns"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/quimica/poluentes-aquaticos-mais-comuns.htm. Acesso em 16 de setembro de 2021.

Artigos Relacionados
Veja como o modelo atual de desenvolvimento da agricultura contribui para impactos ambientais e para o aumento da fome, apesar da grande quantidade de alimentos produzidos.
Conheça a técnica de coagulação e floculação realizada em estações de tratamento de água para retirar impurezas muito pequenas.
Veja quais são as causas da poluição termal ou térmica da água e do ar, as respectivas consequências e o que pode ser feito para combater esse problema.
Veja como pode ser feita a reciclagem do óleo de cozinha usado, a melhor opção de descarte desse resíduo.
Conheça os tipos principais de poluição das águas, que incluem poluição biológica, poluição térmica, poluição sedimentar, poluição química e radioativa.
Conheça os principais tipos de tratamentos de efluentes gerados pelos esgotos domésticos, pela agricultura e pelas indústrias.
Conheça os principais tratamentos secundários de efluentes usados para retirar o material biodegradável por métodos biológicos.
Aqui você verá os tratamentos terciários de efluentes mais importantes, como ultrafiltração, osmose reversa, cloração e processos avançados de oxidação.
Entenda por que o óleo de cozinha usado não deve ser despejado na pia, no ralo ou mesmo no lixo comum.