Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Polaridade das ligações iônica e covalente

Química

PUBLICIDADE

A capacidade que as ligações possuem de atrair cargas elétricas se define como Polaridade, esta assume caráter diferente dependendo da ligação onde se faz presente.
Em relação à ligação iônica e covalente, qual delas seria polar ou apolar?

Os compostos iônicos são carregados de cargas elétricas: cátions e ânions, que são chamados de polos positivos e negativos respectivamente. Estes são representados pelos sinais δ+ e δ-. As substâncias iônicas reagem com outros compostos em razão da presença destes polos que tornam a ligação instável. Exemplo: a ligação iônica dos átomos de Cloro e Sódio dá origem ao composto cloreto de sódio (Na+Cl-), popularmente conhecido como sal de cozinha. 

Resumindo: Toda ligação iônica é uma ligação polar.

Já os compostos covalentes se classificam na maioria como apolares.

Mas lembre-se: não significa que todo composto covalente é apolar. Os polos estão associados à eletronegatividade, se a ligação covalente for entre átomos de mesma eletronegatividade a ligação será apolar, porque não ocorre formação de polos.

Exemplo: o composto covalente C3H8 (Propano) é apolar, vejamos por que:

      H    H     H 
      │     │    │
H ─ C ─ C ─ C ─ H 
      │     │    │
      H     H     H

Observe que a ligação ocorre entre elementos iguais, portanto possuem mesma escala de eletronegatividade.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Por Líria Alves
Graduada em Química
Equipe Brasil Escola

Veja mais:

Não esqueça da eletronegatividade
Saiba quais elementos são mais eletronegativos

Química Geral - Química - Brasil Escola

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SOUZA, Líria Alves de. "Polaridade das ligações iônica e covalente"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/quimica/polaridade-das-ligacoes-ionica-covalente.htm. Acesso em 04 de agosto de 2021.

Assista às nossas videoaulas
Lista de Exercícios
Questão 1

Diga quais são as ligações existentes entre os elementos abaixo (iônica ou covalente) e classifique cada ligação como polar ou apolar:

a)      Cl2

b)      HBr

c)      H2

d)     NaCl

e)      P4

f)       CO

g)      KF

h)      HCl

Questão 2

A seguir, temos uma escala de eletronegatividade em ordem crescente:

H < P < C < S < I < Br < Cl < N < O < F  

O hidrogênio pode se ligar a cada um dos elementos abaixo por meio de ligações covalentes. Com base na escala de eletronegatividade citada, com qual desses elementos o hidrogênio deve se ligar para resultar numa maior polaridade da ligação?

a)      F

b)      O

c)      P

d)     I

e)      Br

Mais Questões
Artigos Relacionados
Clique e conheça as principais características, usos e prejuízos causados pelo sal mais famoso do mundo: o cloreto de sódio.
Veja o que é a eletronegatividade, como ela é calculada pela escala de Pauling e como ela varia na Tabela Periódica.
Veja como identificar se uma substância possui maior ponto de ebulição que outra pela relação entre forças intermoleculares e ponto de ebulição.
Clique e conheça as forças intermoleculares, tema comumente abordado no Enem. Aprenda suas principais características e a intensidade de força quando relacionadas. Veja qual é a relação estabelecida entre essas forças e o ponto de fusão, ponto de ebulição, solubilidade e estados físicos de um material qualquer.
Aprenda a representar as fórmulas das ligações iônicas, que incluem a fórmula unitária e a fórmula de Lewis ou fórmula eletrônica.
Conheça mais detalhes de como ocorrem as ligações de hidrogênio, também denominadas de pontes de hidrogênio, e que são a força intermolecular mais forte existente.
Aprenda, clicando neste link, como podemos determinar se uma substância inorgânica apresenta ou não moléculas apolares.
Aprenda a identificar a polaridade das moléculas por meio do momento dipolar resultante.
Conheça a relação existente entre polaridade e temperatura de ebulição dos compostos orgânicos.
Conheça a diferença entre compostos covalentes e substâncias moleculares e veja as principais propriedades desses materiais que os distinguem dos compostos iônicos.