Em 06/12/2016 15h44

Brasil está entre os piores países em ranking de educação

Notícias

Dados do Pisa 2015 mostram que o país ocupa posições finais em ciências, leitura e matemática. Por Adriano Lesme
PUBLICIDADE

O Brasil não foi bem no Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (Pisa) 2015, ranking internacional que avalia o desempenho de estudantes em ciências, leitura e matemática. Os dados foram divulgados nesta terça-feira, 6 de dezembro, pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).

O Pisa 2015 mediu o conhecimento de estudantes de 72 países. O Brasil ficou na 63ª posição em ciências, 59ª posição em leitura e na 65ª posição em matemática. Apesar de o Pisa avaliar 72 países, no ranking são considerados 70, pois Malásia e Cazaquistão não seguem as mesmas regras de amostragem dos demais países, o que não permite a comparação.

Em relação à pontuação, o Brasil obteve a média de 401 pontos em ciências, enquanto a média mundial é de 493. Em leitura, o país obteve 407 pontos, contra 493 dos países-membros da OCDE e, em matemática, o desempenho brasileiro foi de 377 pontos, também abaixo da média mundial, que foi 490.

Uma das razões do baixo desempenho do país pode ser as condições socioeconômicas. Enquanto no Brasil, o Produto Interno Bruto (PIB) per capita considerado no Pisa é de 15,9 mil dólares, a média da OCDE é de 39,3 mil dólares por habitante. Os países-membros da organização também investem mais por estudantes dos 6 aos 15 anos, 90,3 mil dólares contra 38,2 mil dólares investidos pelo Brasil.

No entanto, o desempenho do Brasil é pior do que de países que investem menos por estudante, como o Uruguai e o México. O Chile, que tem gastos parecidos com o Brasil, também conseguiu desempenho superior nas três áreas avaliadas.

Veja abaixo o ranking dos melhores países por área:

CIÊNCIAS
1) Cingapura: 556 pontos
2) Japão: 538 pontos
2)  Estônia: 534 pontos
4) Taipei chinesa: 532 pontos
5) Finlândia: 531 pontos

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

LEITURA
1) Cingapura: 535 pontos
2) Hong Kong (China): 527 pontos
2) Canadá: 527 pontos
4) Finlândia: 526 pontos
5) Irlanda: 521 pontos

MATEMÁTICA
1) Cingapura: 564 pontos
2) Hong Kong (China): 548 pontos
3) Macau (China): 544 pontos
4)  Taipei chinesa: 542 pontos
5) Japão: 532 pontos

Ranking completo Pisa 2015

MEC

O Ministério da Educação (MEC) realizou um seminário nesta quarta-feira para comentar os resultados do Pisa 2015. De acordo com o ministro Mendonça Filho, o resultado representa uma tragédia para o futuro dos jovens brasileiros. “O que pudemos constatar diante desses números é que a grande maioria desses jovens não tem o conhecimento mínimo necessário para exercer a cidadania de acordo com padrões do mundo globalizado no qual vivemos”, comentou o ministro.

A secretária executiva do Ministério da Educação, Maria Helena Guimarães de Castro, ressaltou a importância de reformas no ensino, como a definição da Base Nacional Comum Curricular (BNCC), que está em discussão para o ensino médio e em fase final de elaboração para as demais etapas. Segundo a secretária, a BNCC vai orientar a formação dos professores, que é chave nesse processo.

Pisa

O Pisa avalia estudantes de escolas públicas e particulares a partir do 7º ano do ensino fundamental. Por meio de amostragem, os estudantes selecionados respondem questões sobre as três áreas avaliadas e preenchem um questionário sobre seu cotidiano escolar e familiar, além de relatarem experiências de aprendizagem.

No Brasil, participaram 23.141 estudantes de 841 escolas públicas e particulares de todos os estados. O exame foi aplicado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) para alunos com idade entre 15 anos e 3 meses (completos) e 16 anos e 2 meses (completos).