Topo
pesquisar

As péssimas condições de higiene na Índia

Geografia

As condições de higiene sanitária na Índia são bastante precárias. Cerca de 750 milhões de pessoas não têm acesso a banheiros ou rede de esgoto nesse país.
PUBLICIDADE

Em todo o mundo, pelo menos 2,6 bilhões de pessoas não têm acesso a banheiro, essas emitem 200 milhões de toneladas de fezes por ano que são jogadas ao ar livre, ou seja, fora de um lugar adequado.

O pior caso nesse sentido é a Índia, que possui o maior problema sanitário do mundo, aproximadamente 750 milhões de pessoas não têm acesso a banheiro e rede de esgoto.

Nesse país, a classe menos favorecida realiza o trabalho de coleta das fezes dispostas nas ruas e em outros lugares, essa prática é desempenhada por homens e mulheres. Os homens entram em bueiros onde estão acumuladas grandes quantidades de excremento humano e o trabalho é desenvolvido sem nenhum tipo de proteção, num lugar repleto de preservativos, absorventes e muitos outros materiais indesejáveis. As mulheres carregam sobre a cabeça cestos cheios de fezes, a situação ainda é mais precária nos períodos chuvosos, pois os excrementos escorrem pelo corpo daquela que os carrega.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)


A quantidade de excremento produzida pela população indiana supera a gerada pelas populações dos Estados Unidos, Indonésia e Brasil, se somada.

Em partes, a cultura indiana considera a higiene, pois é comum o banho, no entanto, vendem alimentos a poucos metros das valas onde encontram-se depositados os esgotos a céu aberto.

De acordo com essa situação que aparentemente não deveria acontecer, uma vez que estamos em pleno século XXI, eis alguns dados da realidade indiana:

• Diariamente são produzidos no país cerca de 120 mil toneladas de fezes.

• Somente em um dia a Índia produz aproximadamente 1,2 bilhão de litros de urina.

• Todo excremento diário produzido na Índia, se fosse transformado em gás metano, poderia gerar a capacidade explosiva que equivale a 18 bombas atômicas.

• Um limpador de fezes recebe um salário que parece “brincadeira”, algo em torno de 0,46 centavos de moeda brasileira.

Por Eduardo de Freitas
Graduado em Geografia

Mulheres retiram fezes das fossas na Índia
Mulheres retiram fezes das fossas na Índia

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

FREITAS, Eduardo de. "As péssimas condições de higiene na Índia "; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/geografia/pessimas-condicoes-de-higiene-na-india.htm. Acesso em 22 de setembro de 2019.

  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Brasil Escola