close
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

A Cor e a Frequência da Luz

Cada cor que compõe a luz branca possui uma frequência diferente.
Cada cor que compõe a luz branca possui uma frequência diferente.
Imprimir
Texto:
A+
A-

PUBLICIDADE

Os experimentos realizados por Young foram feitos ao ar livre, sendo assim, os comprimentos de onda correspondem à luz se propagando neste meio. Sabemos que a velocidade da luz no ar é igual a 3,0 x 108 m/s, logo, podemos utilizar a equação que relaciona frequência, comprimento e velocidade de uma onda que é:

f= v/λ

Através dessa equação podemos calcular a frequência de cada cor como, por exemplo, as frequências das cores vermelho e violeta, as quais são, respectivamente: 4,6 x 1014 hertz 6,7 x 1014 hertz. Como frequência e comprimento de onda são grandezas inversamente proporcionais, fica evidente que a cor violeta que tem a maior frequência tem o menor comprimento de onda em relação à cor vermelha que tem menor frequência e, portanto, maior comprimento de onda.

A experiência comprova que a cor de um feixe de luz monocromático não se altera quando ela passa de um meio transparente para outro. O que ocorre é que quando o feixe de luz passa de um meio para outro, tanto o comprimento de onda quanto a velocidade tem seus valores alterados, mas a frequência não se altera e, portanto, permanece sempre a mesma. É por esse motivo que se recomenda que um feixe de luz seja caracterizado pela sua frequência e não por seu comprimento de onda ou velocidade com que se propaga.

A luz é um movimento ondulatório que possui frequências muito altas (cerca de 1014 hertz) e cada cor que compõe a luz branca possui uma frequência diferente.

Na época que Young realizou o experimento, que demonstrou de forma quase definitiva que a luz é um movimento ondulatório, faltava descobrir qual a natureza da luz. Anos mais tarde, o físico escocês James Clerk Maxwell conseguiu mostrar que a luz é uma onda de natureza eletromagnética, ou seja, a mesma natureza dos raios X, das ondas de rádio, etc.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Por Marco Aurélio da Silva
Equipe Brasil Escola

Óptica - Física - Brasil Escola

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SANTOS, Marco Aurélio da Silva. "A Cor e a Frequência da Luz"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/fisica/a-cor-frequencia-luz.htm. Acesso em 18 de maio de 2022.

Tire suas dúvidas


Sobre o Fahrenheit, quero memorizar e aprender muito mais, me ajude.

Por Kamylla Diniz
Responder
Ver respostas

Um corpo percorre um arco de circunferência com raio de 40 cm, com uma velocidade que varia 
segundo a lei v (t) = 3 - 10t, em unidades SI. Determine a aceleração do móvel no instante t = 0 s 
e o ângulo que os vetores aceleração e velocidade fazem entre si nesse instante. 

Por James Miranda
Responder
Ver respostas

Videoaulas


Lista de exercícios


Exercício 1

Sabendo que a frequência da cor vermelha é f = 4,6 . 1014 e sendo a velocidade da luz c = 3 . 108 m/s, calcule o comprimento de onda dessa cor.

Exercício 2

Assinale a opção correta:

a) Ao passar de um meio para o outro, um feixe monocromático de luz muda de cor;

b) O comprimento de onda para uma determinada cor permanece inalterado, independente do meio de propagação;

c) A frequência da luz é diretamente proporcional à sua velocidade de propagação.

d) A luz branca é composta por apenas um comprimento de onda.

Estude agora


“Se não” ou “senão”?

“Senão” ou “se não”? De fato, no plano da ortografia, o uso correto dessas expressões, as quais se...

Viúva Negra: o contexto sociopolítico da criação da personagem

Uma das mais importantes peças dos Vingadores, a Viúva Negra (apresentada primeiramente na pele da personagem Natasha...