Notificações
Você não tem notificações no momento.
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Rodas do Skate

Os primeiros skates foram fabricados industrialmente em 1965.
Os primeiros skates foram fabricados industrialmente em 1965.
Imprimir
Texto:
A+
A-
Ouça o texto abaixo!

PUBLICIDADE

Para a maioria das pessoas o skate é simplesmente uma tábua com rodinhas, mas na realidade ele é muito mais do que isso.
Desde o ano de 1965, quando se comercializaram os primeiros skates fabricados industrialmente e começaram as primeiras competições, até os dias de hoje o skateboard passou por uma série de transformações até chegar a forma atual.

Um fato importante, que ajudou no desenvolvimento do skate, foi a invenção da roda de uretano, em 1971 pelo engenheiro químico norte americano Frank Nashworthy.

Com o uretano, o skate agarrava mais no solo, reduzindo o ruído e aumentando em muito a performance em relação as antigas rodas feitas de massa (clay wheels) ou até de ferro, oriundas dos patins.

O formato da roda passou por varias estágios experimentais: Cônicas, double conicas, redondas, finas, largas, etc...

Lá pelo final da década de 80 as rodas chegaram a uma forma quase padrão, algo bem parecido com os pneus usados em formula 1, na devida escala de proporção é claro.

Atualmente dois fatores principais são os responsáveis pela diferenciação das rodas tendo em vista o seu uso nas diversas modalidades:

Dureza e Tamanho
Dureza: Rodas duras escorregam mais facilmente enquanto que as macias agarram mais.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Assim para se andar em superfícies lisas como cimento e madeira, as rodas duras são melhores, pois alcançam mais velocidade nestes tipos de terrenos. São recomendadas para pistas, rampas e street onde o chão é liso. Outra modalidade onde as rodas duras são indispensáveis é o Downhill slide, onde o skatista necessita quebrar tração (os slides) para conseguir controlar a velocidade.

As rodas mais macias são para serem utilizadas em superfícies asperas, como o asfalto. São muito empregadas nos funboards e longboards, muito em voga atualmente.

A dureza das roda é medida por em Durometer, que pode ser em duas escalas:

A ou D, sendo 60A ou 35D o mais grau macio e 100A ou 75D mais duro.

Tamanho: A maior variação em relação ao tamanho das rodas acontece no diametro, já que a maioria da largura das rodas regulam nas mesmas proporções.

Rodas grandes de 60 mm para cima são para quem precisa de velocidade, enquadram-se aí as modalidades vertical (rodas grandes e duras) e speed (rodas grandes e macias).

Rodas médias, de 55mm até 60mm são usadas para skatistas overall, ou seja, que andam em todos os tipos de terreno, e também funcionam bem em Mini Rampas.

As roda menores, abixo de 55mm, são específicas par street, pois com o centro de gravidade mais próximo ao chão, torna-se mais fácil fazer o movimento de alavanca que é o Ollie, onde o skate cola no pé do skatista.

Tenha em mente a modadlidade que pratica mais quando comprar rodas, e em caso de dúvida, não hesite a perguntar ao vendedor. Se vc estiver numa loja de skate de verdade, ele também será skatista e vai poder lhe orientar em qual a melhor roda para você.

Texto escrito para:
Site da Nescau, 2000
Cesinha Chaves

Escritor do artigo
Escrito por: Brasil Escola Escritor oficial Brasil Escola

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

ESCOLA, Brasil. "Rodas do Skate"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/educacao-fisica/rodas.htm. Acesso em 23 de junho de 2024.

De estudante para estudante