Fundo Menu
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

03 de agosto — Fim da censura no Brasil

No dia 03 de agosto é celebrado o fim da censura no Brasil. Essa data remete ao dia em que a Constituição de 1988 foi outorgada.

A Constituição de 1988 assegura a liberdade de expressão
A Constituição de 1988 assegura a liberdade de expressão
Imprimir
Texto:
A+
A-

PUBLICIDADE

Com a Abertura Democrática, ocorrida entre os anos de 1979 e 1985, o Brasil deixou de padecer da privação de direitos inerentes a quaisquer sociedades democráticas. O período da Ditadura Militar, que teve início em 1964, não foi o único em que o país viu-se submetido à privação desses direitos. Na ditadura do Estado Novo (1937-1945), com Getúlio Vargas, isso também ocorreu, sem contar em outros períodos, mais remotos. O fato é que, com o retorno à democracia, conseguimos reaver os nossos direitos fundamentais, entre eles, o da liberdade de expressão.

Para que o direito à liberdade de expressão fosse garantido, a nova Carta Constitucional, elaborada e assinada pela Constituinte que se reuniu a partir do ano de 1986, deveria assegurar explicitamente tal direito, afastando das nossas instituições a sombra da censura. O direito à livre expressão foi taxativamente colocado na Constituição de 1988, que foi outorgada em 03 de agosto do ano referido. Por esse dia representar não apenas o retorno aos direitos fundamentais, mas, em especial, ao direito da livre expressão, ele é celebrado como o dia do fim da censura no Brasil.

Na nossa atual Constituição Federal há, no CAPÍTULO I, intitulado “Dos Direitos e Deveres Individuais e Coletivos”, do TÍTULO II, que trata “Dos Direitos e Garantias Fundamentais”, uma resolução especificamente direcionada à liberdade de expressão. Essa resolução consta no inciso IX do Artigo 5º, do título referido, cujo texto é o seguinte: “É livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença.”

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

A garantia desse direito é vital para o próprio funcionamento da sociedade democrática, haja vista que a imprensa (impressa, televisiva ou virtual) tem o poder de fiscalizar o exercício da atividade pública, bem como supervisionar e denunciar abusos de autoridade e crimes que venham a ser praticados por membros de instituições públicas.

Ademais, o exercício crítico por parte de artistas e pensadores também é vital para a democracia e deve estar sempre desvencilhado de qualquer censura instituída. Nos períodos em que a censura vigorou no Brasil, muitos artistas foram presos, alguns torturados, outros tiveram que desistir da propagação de suas obras etc. Esses fatos revelam que, a despeito do mau uso que se possa fazer desses direitos fundamentais, liberdade de expressão é um dos “pulmões” da democracia.

Por Me. Cláudio Fernandes

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

FERNANDES, Cláudio. "03 de agosto — Fim da censura no Brasil"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/datas-comemorativas/03-agostofim-censura-no-brasil.htm. Acesso em 30 de junho de 2022.

De estudante para estudante


PUBLICIDADE

Estude agora


Mistura de soluções de solutos diferentes que reagem entre si

Os casos mais comuns de mistura de soluções de solutos diferentes que reagem entre si ocorrem quando juntamos...

Como fazer a inscrição no Enem 2021

Vai fazer o Enem 2021 neste ano e quer tirar todas as suas dúvidas sobre a forma de se inscrever no exame mais...