II Guerra da Chechênia 2

Guerras

PUBLICIDADE
A II Guerra da Chechênia ocorreu entre os anos de 1994 e 1996, e contou com a participação de aproximadamente 40.000 soldados russos, esse conflito deixou um saldo de 40.000 mortos, a ação dos soldados era para ser realizada rapidamente, com a intenção de somente acabar com a resistência de grupos que lutavam pela independência.

No entanto, os russos não tiveram condições de se retirar e foram derrotados, pois foram cercados por um grupo de jovens despreparados utilizados como soldados.

Um dos motivos que fez a Rússia focalizar suas forças sobre a Chechênia foi o medo de perder parte de seus territórios, além disso, a União Soviética se preocupava com o surgimento de uma série de movimentos separatistas de luta pela independência.

O desconforto existente entre russos e chechenos se prolonga no decorrer de décadas, sem chegar a nenhum consenso.

A região em questão localiza-se nos limites entre o continente asiático e europeu, nesse território habitam vários grupos étnicos, falantes de dezenas de línguas de origem eslava, persa e turcomana.

A Chechênia possui uma população de aproximadamente 1,5 milhões de habitantes, com um território menor que o estado do Alagoas.

A partir do desmoronamento da URSS os principais países alcançaram a independência, a Chechênia, por exemplo, se confirmou como autônoma no ano de 1991, embora nenhum país do mundo tivesse reconhecido sua independência.

Os sinais da destruição provocada pela II Guerra da Chechênia
Os sinais da destruição provocada pela II Guerra da Chechênia

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

FREITAS, Eduardo de. " II Guerra da Chechênia 2"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/guerras/ii-guerra-chechenia-1.htm. Acesso em 28 de novembro de 2020.