Notificações
Você não tem notificações no momento.
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Reforma tributária

Reforma tributária é uma medida que altera o sistema de arrecadação de impostos e outros tributos em um território. O Brasil aprovou uma reforma tributária em 2023.

Cédulas e moedas de real em alusão à reforma tributária.
A reforma tributária promove alteração na maneira como os tributos são pagos em determinado território.
Imprimir
Texto:
A+
A-
Ouça o texto abaixo!

PUBLICIDADE

Reforma tributária é uma medida que tem como objetivo a promoção de mudanças na arrecadação de tributos em determinado território. A reforma tributária é, nesse sentido, um recurso importante para a política econômica de um país e pode trazer benefícios tanto para a população quanto para as empresas em operação.

No caso brasileiro, a reforma tributária aprovada no ano de 2023 visa à simplificação do pagamento e da cobrança de impostos, taxas e contribuições nas esferas federal, estadual e municipal. Votada após várias décadas de discussões, a reforma tributária tem como uma de suas principais propostas a unificação de impostos. Estima-se que, uma vez sancionada, a reforma tributária brasileira seja implementada de maneira gradual até o ano de 2033, quando entra em vigor integralmente.

Leia também: O que é inflação?

Tópicos deste artigo

Resumo sobre reforma tributária

  • Reforma tributária é a alteração feita na arrecadação de tributos (impostos, taxas e contribuições) em um determinado território.

  • A reforma tributária serve para promover mudanças na forma como os tributos são cobrados e pagos em um país, como, por exemplo: promovendo a extinção de impostos, a criação de novas taxas, a alteração de alíquotas, a alteração na destinação dos recursos, aumentando a faixa de isenções, entre outras medidas.

  • A reforma tributária brasileira foi aprovada no ano de 2023, após décadas de discussões acerca da sua realização. Agora, seu texto segue para o Senado Federal.

  • Os principais objetivos da reforma tributária no Brasil são a simplificação da tributação mediante a unificação de impostos e a garantia de um sistema mais transparente.

  • Inicialmente, a reforma tributária visa transformar a arrecadação sobre bens e serviços e sobre o consumo em todas as esferas.

  • Os cinco impostos pagos hoje pelos brasileiros (PIS, Cofins, IPI, ICMS e ISS) serão incorporados ao IVA (Imposto sobre Valor Adicionado).

  • O IVA será dividido em Contribuição sobre Bens e Serviços (CBS) e Imposto sobre Bens e Serviços (IBS).

  • Será criado, também, o Imposto Seletivo Federal, que será cobrado sobre bebidas alcoólicas, cigarros e agrotóxicos.

  • Uma vez sancionada, a reforma tributária passará por um período de transição e deverá entrar oficialmente em vigor a partir de 2033.

O que é reforma tributária?

Reforma tributária é o nome dado ao conjunto de alterações feitas na cobrança de tributos em um determinado território. Esses tributos compreendem os impostos (federais, estaduais e municipais), taxas e outras formas de contribuição que são obrigatórias tanto para as pessoas físicas (a população no geral) quanto para as empresas em funcionamento.

Trata-se, portanto, de uma medida político-econômica que altera a legislação tributária e promove, com isso, mudanças significativas na forma de arrecadação de tributos de um país.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Qual o objetivo da reforma tributária?

A reforma tributária serve para modificar a maneira como a cobrança e a arrecadação de impostos e outros tributos vem sendo feita no país em que ela é proposta. Nota-se, entretanto, que não necessariamente o valor arrecadado em impostos e tarifas sofre alterações mediante a realização de uma reforma tributária, o que significa dizer que em muitos casos o montante pago em tributos pela população permanece o mesmo|1|. O que muda é o processo de pagamento e de cobrança.

Considerando a reforma tributária aprovada no Brasil em 2023, esse mecanismo político-econômico tem como objetivo a simplificação da arrecadação de impostos sobre o consumo e sobre os bens e serviços no território nacional, o que surtirá efeitos principalmente na maneira como a população brasileira paga esses tributos.

Veja também: Imposto de Renda de Pessoa Física (IRPF) — o que é, quem deve declarar, isenção

Reforma tributária de 2023 no Brasil

A reforma tributária foi aprovada no Brasil em dois turnos pela Câmara dos Deputados no dia 7 de julho de 2023, por meio de uma PEC. A aprovação do texto da Proposta de Emenda à Constituição nº 45 de 2019 (PEC 45/19), que determina a instituição de uma reforma no sistema tributário do Brasil, aconteceu após diversas outras tentativas de implementar uma medida desse tipo, as quais vinham sendo feitas desde o processo de elaboração da Constituição de 1988|2|.

Economistas e analistas dessa área apontam que a dificuldade em aprovar uma reforma político-econômica dessa magnitude sempre envolveu os conflitos de interesse, em especial aqueles entre as diferentes esferas de arrecadação de tributos, que são: federal, estadual e municipal. A reforma tributária aprovada pela Câmara dos Deputados em 2023 também foi pautada inúmeras vezes, passando por longas discussões e alterações em seu texto.

A PEC 45/19 precisava receber ao menos 308 votos favoráveis em cada um dos turnos. Ao final da votação, a proposta da reforma tributária conseguiu 328 votos favoráveis e 118 contrários no primeiro turno, e 375 votos favoráveis e 113 contrários no segundo turno. Com isso, o texto segue para a apreciação do Senado Federal.

O que muda com a reforma tributária de 2023?

Consumidor segurando um cupom fiscal em alusão à reforma tributária.
Os impostos cobrados sobre os serviços e bens de consumo agora serão revertidos para o local onde foram adquiridos.

A reforma tributária de 2023 tem como principais objetivos a simplificação da cobrança de impostos no território nacional e a implementação de um sistema mais transparente para que a população brasileira saiba o destino de sua contribuição.

Na primeira fase da reforma tributária, as mudanças vão incidir nos impostos referentes aos bens e serviços e também ao consumo. Nesse sentido, a principal alteração é a unificação de cinco diferentes tributos. Desses cinco, três deles dizem respeito a impostos e contribuições federais, enquanto os demais são arrecadados nas esferas estadual e municipal, conforme indica a tabela a seguir.

Impostos pagos antes da reforma tributária de 2023

Imposto federal

PIS – Programa de Integração Social

Cofins – Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social

IPI – Imposto Sobre Produtos Industrializados

Imposto estadual

ICMS – Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços

Imposto municipal

ISS – Imposto Sobre Serviços

Com a aprovação do texto da reforma tributária, após a sua implementação, esses cinco tributos serão substituídos pelo Imposto sobre Valor Adicionado, ou IVA, que se divide em CBS e IBS. Além disso, haverá a criação do Imposto Seletivo Federal, que tem como principal objetivo diminuir o consumo de substâncias potencialmente danosas para a saúde humana e, também, para o meio ambiente.

Na tabela a seguir apresentamos o quadro dos impostos a serem pagos pela população depois da implementação da reforma tributária aprovada em 2023.

Impostos pagos depois da reforma tributária de 2023

IVA – Imposto sobre Valor Adicionado

Contribuição sobre Bens e Serviços (CBS): substitui o PIS, o Cofins e o IPI, todos da esfera de arrecadação federal.

Imposto sobre Bens e Serviços (IBS): substitui o ICMS e o ISS, respectivamente das esferas estadual e municipal de arrecadação.

Imposto Seletivo Federal

Incide sobre as bebidas alcoólicas, sobre os cigarros e sobre os agrotóxicos.

Outra importante alteração que será introduzida com a efetivação da reforma tributária diz respeito à destinação dos tributos. Os dois novos impostos sobre os bens e serviços terão seus respectivos valores revertidos para a localidade (estado ou município) de destino, isto é, para onde o bem foi adquirido ou para onde o serviço foi prestado, e não mais na sua origem (onde o bem foi produzido).

O texto da reforma tributária prevê a aplicação de uma alíquota única tanto para o CBS quanto para o IBS. Ainda assim, haverá uma distinção quanto aos setores sobre os quais essa alíquota recairá. Setores de grande importância para a população brasileira, como educação, saúde, cultura e transportes coletivos, terão alíquotas reduzidas. No caso dos produtos pertencentes à cesta básica, a alíquota será zerada.

Saiba mais: Reforma agrária — o que é, vantagens e desvantagens

Quando a reforma tributária de 2023 entrará em vigor?

Como vimos anteriormente, a reforma tributária foi aprovada no ano de 2023. Entretanto, antes que as mudanças propostas entrem plenamente em vigor, ainda é necessário um período de testes e de transição para que as alterações sejam implementadas de forma gradual no sistema tributário brasileiro.

A implantação de uma alíquota única para o IVA será a primeira medida de teste, com o abatimento sobre os tributos que esse imposto único substituirá. Estima-se que o CBS será o primeiro novo tributo a se tornar efetivo até 2027, seguido pelo início da aplicação do IBS em 2028|3|. Todo esse processo de transição deverá ser concluído até o ano de 2032, e a reforma se tornará efetiva em 2033.

Qual a importância da reforma tributária?

A reforma tributária é uma medida importante para a política econômica de um território. Através da sua implementação é possível promover a atualização da forma como os tributos são cobrados e pagos, adequando-a ao contexto social e econômico do país e tornando-a mais eficaz. Nesse sentido, uma reforma tributária como a aprovada no Brasil em 2023 tem importância na simplificação e, ao mesmo tempo, na modernização da cobrança de impostos e taxas, trazendo benefícios para as empresas e, principalmente, para a população.

A importância da reforma tributária brasileira reside, ainda, na garantia de maior transparência com relação ao processo de pagamento e à destinação do valor pago em tributos no território nacional. Outro aspecto que vale destacar é a diminuição ou eliminação das alíquotas em bens e serviços essenciais previstas na reforma tributária, o que terá um papel importante na vida cotidiana dos brasileiros, em especial da parcela mais pobre da população.

Notas

|1| BBC. Reforma tributária avança: como ficam os impostos segundo a proposta. BBC News Brasil, 07 jul. 2023. Disponível em: https://www.bbc.com/portuguese/articles/czr0jygngymo.amp

|2| POMBO, Bárbara. Reforma Tributária: Veja o histórico de propostas, de 1988 a 2023. Valor Econômico, 23 mar. 2023. Disponível em: https://valor.globo.com/legislacao/noticia/2023/03/23/reforma-tributaria-veja-o-historico-de-propostas-de-1988-a-2023.ghtml

|3| SAMPAIO, Amanda. Reforma tributária será implementada gradualmente e deve ser concluída em 2033. CNN Brasil, 08 jul. 2023. Disponível em: https://www.cnnbrasil.com.br/economia/reforma-tributaria-sera-implementada-gradualmente-e-deve-ser-concluida-em-2033/

Fontes

CÂMARA DOS DEPUTADOS. Reforma tributária: entenda a proposta. Câmara dos Deputados, [s.d.]. Disponível em: https://www.camara.leg.br/internet/agencia/infograficos-html5/ReformaTributaria/index.html.

HENRIQUE, Layane. O que você precisa saber sobre a reforma tributária? Politize, 11 jul. 2023. Disponível em: https://www.politize.com.br/reforma-tributaria/.

MÁXIMO, Wellton. Entenda a reforma tributária aprovada pela Câmara. Agência Brasil, 08 jul. 2023. Disponível em: https://agenciabrasil.ebc.com.br/economia/noticia/2023-07/entenda-reforma-tributaria-aprovada-pela-camara.

MINISTÉRIO DA FAZENDA. Câmara dos Deputados aprova em dois turnos a PEC que faz a Reforma Tributária. Ministério da Fazenda, 07 jul. 2023. Disponível em: https://www.gov.br/fazenda/pt-br/assuntos/noticias/2023/julho/camara-deputados-aprova-em-dois-turnos-a-pec-que-cria-a-reforma-tributaria.

MINISTÉRIO DA FAZENDA. Reforma tributária. Ministério da Fazenda, [s.d.]. Disponível em: https://www.gov.br/fazenda/pt-br/acesso-a-informacao/acoes-e-programas/reforma-tributaria.

MUGNATTO, Sílvia. Novo sistema tributário será implantado gradualmente até 2033. Agência Câmara de Notícias, 23 jun. 2023. Disponível em: https://www.camara.leg.br/noticias/974719-novo-sistema-tributario-sera-implantado-gradualmente-ate-2033/.

PIOVESAN, Eduardo; SIQUEIRA, Carol. Câmara aprova reforma tributária em dois turnos; texto vai ao Senado. Agência Câmara de Notícias, 07 jul. 2023. Disponível em: https://www.camara.leg.br/noticias/978334-camara-aprova-reforma-tributaria-em-dois-turnos-texto-vai-ao-senado/.

PORTAL DA INDÚSTRIA. Reforma tributária: O que é e quais são as propostas. Portal da Indústria, [s.d.]. Disponível em: https://www.portaldaindustria.com.br/industria-de-a-z/reforma-tributaria/.

REDAÇÃO. Reforma tributária: o que deve mudar com a nova regra? Revista Exame, 04 jul. 2023. Disponível em: https://exame.com/economia/reforma-tributaria-o-que-deve-mudar-com-a-nova-regra/.

Escritor do artigo
Escrito por: Paloma Guitarrara Licenciada e bacharel em Geografia pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) e mestre em Geografia na área de Análise Ambiental e Dinâmica Territorial também pela UNICAMP. Atuo como professora de Geografia e Atualidades e redatora de textos didáticos.

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

GUITARRARA, Paloma. "Reforma tributária"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/economia/reforma-tributaria.htm. Acesso em 14 de abril de 2024.

De estudante para estudante


Artigos Relacionados


ICMS

ICMS, o que é ICMS, como é calculado o ICMS, critérios para o cálculo do ICMS, princípio da essencialidade, Lei Kandir, sobre o que o ICMS incide, a necessidade da nota fiscal, tributos.
Economia e Finanças

Imposto de Renda de Pessoa Física (IRPF)

Clique para saber mais sobre o Imposto de Renda de Pessoa Física (IRPF). Saiba quem deve declarar e como declarar o Imposto de Renda.
Economia e Finanças

Impostos

Impostos, o que é impostos, definição de impostos, imposto de renda, imposto de renda pessoa física, imposto de renda pessoa jurídica, irpf, irpj, icms, cpmf, entenda os impostos, economia, real, inflação, juros.
Economia e Finanças

Inflação

Afinal, o que é inflação? Acesse nosso texto e tire todas as suas dúvidas a respeito desse indicador. Entenda quais as consequências da inflação no nosso dia a dia.
Economia e Finanças

O que é imposto?

Afinal, o que é imposto? Clique e saiba para que serve esse tributo. Entenda os tipos de impostos. Descubra como é feita a cobrança de impostos no Brasil.
Economia e Finanças

PIB do Brasil

Você sabe como é feito o cálculo do PIB do Brasil? Clique aqui e saiba mais sobre a composição desse indicador. Conheça os PIBs estaduais e o também ranking mundial.
Geografia do Brasil

Por que o famoso símbolo do Imposto de Renda é um leão?

Já parou pra pensar porque a imagem de um leão está associada ao imposto de renda? Clique aqui e descubra!
Curiosidades

Receita Federal do Brasil

Você sabe qual a função da Receita Federal do Brasil? Clique aqui e entenda suas principais funções. Descubra como ela atua e conheça sua história.
Economia e Finanças

Reforma agrária

A reforma agrária é uma das questões mais polêmicas que envolvem a estrutura fundiária.
Geografia do Brasil

Reforma agrária

Clique aqui e descubra o que é reforma agrária, qual a sua importância, onde e quando ela foi aplicada. Saiba também como o Brasil lida com o assunto.
Sociologia