Notificações
Você não tem notificações no momento.
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

21 de abril — Dia de Tiradentes

O Dia de Tiradentes, celebrado em 21 de abril, é um feriado nacional que foi estabelecido em homenagem a Tiradentes, ícone da Inconfidência Mineira que foi executado em 1792.

Ilustração da silhueta de Tiradentes e, atrás dele, a bandeira do Brasil; abaixo, o escrito “21 de abril, Dia de Tiradentes”.
O Dia de Tiradentes homenageia o herói da Inconfidência Mineira que foi morto em 21 de abril de 1792.
Imprimir
Texto:
A+
A-
Ouça o texto abaixo!

PUBLICIDADE

O Dia de Tiradentes, celebrado em 21 de abril, consta no calendário brasileiro como uma homenagem a Tiradentes, personagem de nossa história que ficou conhecido por ter sido enforcado pela sua participação na conspiração que foi planejada contra a Coroa portuguesa, a Inconfidência Mineira.

Esse dia foi estabelecido como feriado nacional por meio de um decreto emitido em 1890 e reafirmado como feriado nacional por meio de uma lei de 2002. O feriado a Tiradentes foi parte da iniciativa dos defensores da república, na década de 1890, de estabelecer Tiradentes como um herói nacional e grande defensor da república.

Leia também: 7 de setembro — o dia em que o Brasil celebra a sua independência

Tópicos deste artigo

Resumo sobre o Dia de Tiradentes

  • O dia de Tiradentes é celebrado em 21 de abril.

  • Esse dia foi estabelecido como uma homenagem a Tiradentes, figura que participou ativamente da Inconfidência Mineira, no século XVIII.

  • Sua figura foi transformada pelos defensores da república logo após a proclamação, em 1889.

  • O dia de sua morte foi transformado em feriado por meio de um decreto de 1890. Atualmente, uma lei de 2002 reconhece o dia como feriado nacional.

  • Uma das representações mais conhecidas da morte de Tiradentes é o quadro Tiradentes esquartejado, de Pedro Américo.

Videoaula sobre o Dia de Tiradentes

O que é celebrado no Dia de Tiradentes?

O dia 21 de abril é um feriado nacional que homenageia Tiradentes, um militar que fez parte da liderança do movimento da Inconfidência Mineira, que ocorreu no Brasil na época colonial. Tiradentes passou a ser visto como uma figura heroica logo após a Proclamação da República, pois foi considerado um mártir dessa causa. Ele foi morto em 21 de abril de 1792, e o dia de sua morte foi decretado como feriado a partir de 1890. Tiradentes é reconhecido como um herói nacional.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Quem foi Tiradentes?

“Tiradentes” era o apelido de Joaquim José da Silva Xavier, um alferes (cargo militar da época colonial) que também exerceu a profissão de dentista. Tiradentes participou ativamente da Inconfidência Mineira e foi um dos principais articuladores desse movimento, que ocorreu entre os anos de 1788 e 1789 e que, entre outros dessa época, contestava o poder que a Coroa portuguesa exercia sobre o Brasil Colônia.

Os inconfidentes de Minas Gerais, com exceção de poucos, geralmente integravam a elite cultural e social daquela região (como era o caso do poeta Tomás Antônio Gonzaga), ocupavam postos militares ou exerciam profissões liberais, como no caso de Tiradentes. O que dava unidade ao grupo eram ideias como a de liberdade e igualdade (embora de uma maneira bastante limitada), além do anseio pela emancipação e independência com relação à Coroa portuguesa.

O estopim dos planos de insurgência contra o governo local em Minas ocorreu após a cobrança compulsória de impostos sobre a produção aurífera e sobre os rendimentos da população. Apesar de terem uma organização bem elaborada, os inconfidentes acabaram sendo delatados por Joaquim Silvério dos Reis, que devia tributos à Coroa.

Todos os inconfidentes foram presos. Tiradentes foi apanhado no Rio de Janeiro. O processo estabelecido contra eles e os subsequentes julgamentos e sentenças só terminaram em 1792, no dia 18 de abril. Os principais líderes foram expulsos do país, exceto Tiradentes. Para saber mais sobre a biografia de Tiradentes, clique aqui.

Veja também: O que foi o Dia do Fico?

Por que se comemora o Dia de Tiradentes em 21 de abril?

Diferentemente do que aconteceu aos demais líderes inconfidentes, Tiradentes foi enforcado no dia 21 de abril de 1792 ao som de discursos que louvavam a rainha de Portugal. Seu corpo foi esquartejado, e sua cabeça, exibida na praça principal da cidade de Ouro Preto.

Os historiadores apontam que o papel realizado por Tiradentes como articulador do movimento político e arregimentador de apoiadores foi crucial para que as autoridades coloniais estabelecessem a ele uma punição mais rigorosa.

Qual é a importância do Dia de Tiradentes?

 Pintura retratando o corpo de Tiradentes esquartejado; o Dia de Tiradentes homenageia o dia de sua morte.
Tiradentes esquartejado, obra de Pedro Américo que representa a visão heroica da morte de Tiradentes. [1]

O dia da morte de Tiradentes por muito tempo foi visto como o dia em que um rebelde foi morto, como típico exemplo de retaliação absolutista. Após a independência, a imagem de Tiradentes ainda permaneceu esquecida, pois sua execução havia sido autorizada por D. Maria, avó de D. Pedro I e bisavó de D. Pedro II, imperadores do Brasil.

Entretanto, após a Proclamação da República, a imagem de Tiradentes começou a ser recuperada. Isso foi entendido pelos historiadores como uma ação dos defensores da república de construir heróis nacionais e estabelecer figuras históricas que pudessem ser heroificadas e transformadas em símbolos da causa republicana. Tiradentes passou a ser visto como um dos heróis da nação ou como um dos que primeiro lutaram (até a morte) pela liberdade.

A transformação da imagem de Tiradentes em herói e mártir foi acompanhada de iniciativas que o retratavam de uma maneira muito semelhante a como Jesus era representado. Alguns artistas brasileiros incorporaram essas características em suas obras. Um dos trabalhos artísticos mais conhecidos sobre a morte de Tiradentes é o de Pedro Américo, criada em 1893.

Inicialmente, a obra foi chamada de Tiradentes supliciado, mas o nome que a tornou popular foi Tiradentes esquartejado. A peça possui mais de 2,50 metros de altura e não foi feita por encomenda. A princípio, foi considerada chocante. Atualmente, está exposta em um museu da cidade de Juiz de Fora, em Minas Gerais.

Saiba mais: Deodoro da Fonseca — um dos personagens principais da Proclamação da República

O Dia de Tiradentes é feriado?

Com a proclamação da República, Tiradentes foi convertido em um mártir e herói nacional. Com isso, o dia de sua morte transformado em feriado por meio do Decreto nº 155-B, em 14 de janeiro de 1890.

Entretanto, em 1930, o dia da morte de Tiradentes deixou de ser feriado e só foi restabelecido como feriado em 1933. A data deixou de ser feriado também em 1949 e foi restabelecida novamente como tal durante a Ditadura Militar.

Isso aconteceu por meio da Lei nº 4.897, de 9 de dezembro de 1965, portanto durante o governo de Humberto Castello Branco. Por meio dessa lei, a data foi instituída como feriado, e Tiradentes foi reconhecido como patrono cívico do Brasil, sendo o dia dedicado honorificamente a essa figura.

O Dia de Tiradentes foi ratificado como feriado nacional por meio da Lei nº 10.607, de 19 de dezembro de 2002. Essa lei estabelece sete feriados nacionais no Brasil, sendo que o dia 21 de abril é um deles.

Créditos da imagem

[1] Wikimedia Commons

 

Por Daniel Neves Silva e Cláudio Fernandes
Professores de História

Escritor do artigo
Escrito por: Daniel Neves Silva Formado em História pela Universidade Estadual de Goiás (UEG) e especialista em História e Narrativas Audiovisuais pela Universidade Federal de Goiás (UFG). Atua como professor de História desde 2010.

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SILVA, Daniel Neves. "21 de abril — Dia de Tiradentes"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/datas-comemorativas/tiradentes.htm. Acesso em 24 de julho de 2024.

De estudante para estudante


Videoaulas