Notificações
Você não tem notificações no momento.
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

O que é a Superterça?

A Superterça é um evento que acontece nas eleições primárias dos EUA e se caracteriza por um dia que primárias ou caucus são realizados em um grande número de estados.

Placa com escrito “polling place”, que significa “lugar de votação”, em referência à Superterça nos EUA.
A Superterça é considerada um momento crucial das primárias da eleição presidencial dos Estados Unidos.[1]
Imprimir
Texto:
A+
A-
Ouça o texto abaixo!

PUBLICIDADE

A Superterça é um evento importante das primárias norte-americanas. Nela, um grande número de estados norte-americanos organiza eleições primárias para o mesmo dia, sendo um momento de grande definição para o cenário eleitoral dos Estados Unidos. A Superterça acontece somente em fevereiro ou março.

Trata-se do momento da eleição presidencial quando os partidos políticos estão definindo os seus candidatos. Nesse sistema podem ser realizadas eleições primárias com voto popular ou então caucus, que reúne o posicionamento dos membros e afiliados do partido.

Confira no nosso podcast: Eleições presidenciais nos EUA — como acontecem?

Tópicos deste artigo

Resumo sobre Superterça

  • A Superterça é um evento político que acontece durante as primárias norte-americanas.

  • As primárias são o período da eleição presidencial nos Estados Unidos em que os partidos estão definindo os seus candidatos.

  • A Superterça acontece porque uma série de estados norte-americanos marcam as suas primárias para o mesmo dia.

  • A Superterça acontece em fevereiro ou março, sendo realizada desde a eleição presidencial de 1984.

  • As primárias são as eleições primárias com voto popular e o caucus.

  • A Superterça é utilizada como termômetro para medir a força de cada candidatura.

Quando ocorre a Superterça?

A Superterça é um evento que acontece durante a corrida presidencial nos Estados Unidos. Esse evento se refere a uma terça-feira, em fevereiro ou março, caracterizada pela realização de um grande número de primárias em diversos estados que compõem o território norte-americano.

A Superterça não tem uma data fixa e pode acontecer em qualquer terça-feira dos meses de fevereiro ou março, embora seja mais comum no último mês. Isso porque o sistema eleitoral norte-americano não estabelece datas para as primárias, sendo obrigação de cada um dos estados norte-americanos escolher o dia que fará a sua.

É importante mencionar que a Superterça é marcada pelas eleições primárias e pelo caucus, espécie de eleição apenas entre os filiados dos partidos envolvidos com a corrida presidencial.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

O que são e como funcionam as primárias?

O sistema político norte-americano tem dois grandes partidos políticos que controlam o cenário da política do país: o Democrata e o Republicano. Quando a eleição presidencial se aproxima, a definição dos candidatos de cada um desses partidos é de grande importância.

Para isso são realizadas as eleições primárias, portanto, no sistema eleitoral norte-americano, as primárias são eleições prévias que cada partido realiza em todos os estados para que a população norte-americana ou os filiados do partido escolham quem representará cada um dos partidos na eleição presidencial.

As primárias começam em janeiro e se encerram em junho. Em geral, a depender do andamento das primárias, o vencedor delas pode ser anunciado bem antes de seu encerramento. O objetivo dos candidatos de cada partido é obter a maioria do número de delegados que representam os estados norte-americanos.

As primárias norte-americanas podem ser divididas em dois sistemas:

  • Eleições primárias secretas: os eleitores se reúnem para votar no candidato que querem que seja o representante de seu partido. Essas eleições são nacionais, o voto é secreto, e cada eleitor pode votar na primária de apenas um partido.

  • Caucus: encontro partidário em que os membros e filiados do partido escolhem quem será o seu representante na eleição presidencial.

Cada partido tem uma quantidade específica de delegados distribuídos entre os estados norte-americanos. A quantidade de delegados e a sua distribuição quantitativa pelo país são questões definidas pelos próprios partidos Democrata e Republicano. Assim, como mencionado, o candidato que obter o maior número de delegados vence a disputa e se consolida como o representante do partido na eleição presidencial.

Quem participa da Superterça?

A Superterça é oficialmente realizada nas primárias norte-americanas desde a eleição presidencial de 1984, mas se consolidou como jargão político no país desde 1976, porque a terça-feira é um importante dia eleitoral nos Estados Unidos. A votação da eleição presidencial, inclusive, acontece em uma terça-feira.

Os estados que participam da Superterça variam a cada ano, pois cada um pode escolher o dia em que realizará sua primária ou caucus. De toda forma, os estados que têm primárias na Superterça participam do evento, independentemente se por eleições primárias ou por caucus.

Os candidatos que disputam as primárias são votados, pelos próprios eleitores norte-americanos, na Superterça. O voto na Superterça é voluntário e secreto, e, no caso do caucus, somente os filiados ao partido (Democrata ou Republicano) participam da escolha.

Leia mais: História dos partidos Democrata e Republicano dos Estados Unidos

Importância da Superterça

A Superterça é fundamental para a corrida presidencial no sistema eleitoral norte-americano, uma vez que o candidato que conquista o maior número de delegados nesse evento sai fortalecido nas primárias e fica muito próximo de ser escolhido como o candidato de seu partido para a disputa presidencial, em novembro. Os analistas políticos usam a Superterça, portanto, como um termômetro para definir a forças das candidaturas à presidência.

Superterça de 2024

Em 2024, a Superterça foi no dia 5 de março e em dezenas de estados norte-americanos. No caso dos republicanos, o evento mobilizou 15 estados, mas, no caso dos democratas, mobilizou 15 estados e o território de Samoa Americana.

Os estados mobilizados na Superterça para fazer as primárias do Partido Republicano foram os seguintes:

  • Alabama;

  • Alasca;

  • Arkansas;

  • Califórnia;

  • Carolina do Norte;

  • Colorado;

  • Maine;

  • Massachusetts;

  • Minnesota;

  • Oklahoma;

  • Tennessee;

  • Texas;

  • Utah;

  • Vermont;

  • Virginia.

Já para o Partido Democrata, a Superterça mobilizou os seguintes estados norte-americanos:

  • Alabama;

  • Arkansas;

  • Califórnia;

  • Carolina do Norte;

  • Colorado;

  • Iowa;

  • Maine;

  • Massachussets;

  • Minnesota;

  • Oklahoma;

  • Tennessee;

  • Texas;

  • Utah;

  • Vermont;

  • Virgínia;

  • Samoa Americana (território ultramarino dos EUA).

Os analistas políticos apontaram para a importância da Superterça de 2024, pois mobilizou dois dos estados com o maior número de eleitores nos Estados Unidos: Califórnia e Texas. No lado democrata, a definição era quase certa para Joe Biden como o candidato do partido, uma vez que ele foi eleito presidente norte-americano para o período de 2021 a 2024. De toda forma, ele conseguiu ser derrotado na Samoa Americana para Jason Palmer.

No caso do Partido Republicano, oposição no cenário da eleição de 2024, as primárias foram muito mais importantes, pois o candidato vitorioso terá o papel de impedir que Biden seja reeleito em novembro do mesmo ano. Entre os republicanos, as primárias estavam sendo disputadas entre Donald Trump, ex-presidente norte-americano, e Nikki Haley, ex-embaixadora dos Estados Unidos na ONU e ex-governadora do estado da Carolina do Sul.

Na Superterça, Trump conseguiu conquistar a vitória em 14 estados, enquanto Haley venceu apenas em Vermont (a vitória dela nesse estado foi considerada surpreendente). Como a Superterça representou cerca de 35% dos delegados das primárias republicanas, a situação de Haley na disputa se tornou muito complicada.

Com a vitória expressiva de Trump e sua disparada na contagem dos delegados, Nikki Haley anunciou a sua desistência da candidatura, restando apenas Trump como candidato republicano. Isso significa que ele, derrotado por Biden em 2020, poderá buscar uma revanche contra o seu adversário em 2024

Crédito das imagens

[1]Kevin McGovern e Shutterstock
Fontes

HOMAN, Maya. How many delegates are needed to win the nomination? Super Tuesday elections explained. Disponível em: https://www.usatoday.com/story/news/politics/elections/2024/03/05/super-tuesday-primary-elections-and-delegates-explained/72858060007/

MÉDICI, Daniel. O que é a Superterça, principal ‘esquenta’ das eleições americanas. Disponível em: https://g1.globo.com/mundo/eleicoes-nos-eua/2024/noticia/2024/03/05/o-que-e-a-superterca-principal-esquenta-das-eleicoes-americanas.ghtml

REDAÇÃO. O que é a Superterça das eleições primárias nos EUA que pode confirmar candidatura de Trump à Presidência. Disponível em: https://www.bbc.com/portuguese/articles/cxxzk1egp3go

REUTERS. O que é a Superterça e por que ela é importante? Disponível em: https://www.cnnbrasil.com.br/internacional/eleicoes-nos-eua-2024/o-que-e-a-superterca-e-porque-ela-e-importante/

ZUCHER, Anthony. Superterça deixa Trump perto da revanche contra Biden; veja resultados. Disponível em: https://www.bbc.com/portuguese/articles/c9w9kgn3jzxo

Escritor do artigo
Escrito por: Daniel Neves Silva Formado em História pela Universidade Estadual de Goiás (UEG) e especialista em História e Narrativas Audiovisuais pela Universidade Federal de Goiás (UFG). Atua como professor de História desde 2010.

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SILVA, Daniel Neves. "O que é a Superterça?"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/politica/o-que-e-a-superterca.htm. Acesso em 26 de maio de 2024.

De estudante para estudante