Notificações
Você não tem notificações no momento.
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Canal da Mancha

Canal da Mancha é um braço do Atlântico que separa Inglaterra e França. Palco de inúmeros eventos históricos, é uma das mais importantes rotas do continente europeu.

Imagem de satélite do Canal da Mancha.
O Canal da Mancha é um braço do oceano Atlântico que separa o Reino Unido da Europa Continental.
Imprimir
Texto:
A+
A-
Ouça o texto abaixo!

PUBLICIDADE

O Canal da Mancha é um braço do Atlântico Norte que separa a ilha da Grã-Bretanha da Europa continental e está situado entre a Inglaterra e a França. A travessia do Canal da Mancha pode ser realizada por meio de embarcações, de balsas, a nado ou pelo Eurotúnel. O Eurotúnel fica próximo do Estreito de Dover, ponto mais estreito da Mancha, e se estende por 37,9 quilômetros sob o Canal da Mancha, conectando os territórios inglês e francês.

Importante rota marítima da Europa e palco de diversos eventos ao longo da história do continente, o Canal da Mancha pode ser perigoso em decorrência das marés fortes e da intensa nebulosidade em alguns períodos do ano.

Leia também: Canal do Panamá — a via artificial que interliga o oceano Atlântico e o oceano Pacífico

Tópicos deste artigo

Resumo sobre o Canal da Mancha

  • O Canal da Mancha é um braço do oceano Atlântico localizado entre a ilha da Grã-Bretanha e a Europa continental.

  • O ponto mais estreito do Canal da Mancha é o Estreito de Dover, com 34 km de extensão.

  • Há um túnel de 37,9 km de extensão sob o oceano no Canal da Mancha, que conecta a Inglaterra à França, denominado Eurotúnel.

  • A travessia do Canal da Mancha pode ser realizada pelo túnel, por balsas ou a nado, como esporte.

  • Todos os anos, dezenas de milhares de imigrantes atravessam o Canal da Mancha em pequenas embarcações.

  • As marés fortes, as ondas e a nebulosidade intensa são alguns dos perigos do Canal da Mancha.

  • O Canal da Mancha é muito importante para a economia e para o turismo na região, sendo uma das principais rotas comerciais da Europa.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Características do Canal da Mancha

O Canal da Mancha é um braço do oceano Atlântico que separa a ilha da Grã-Bretanha da Europa continental, situado mais precisamente entre o sul da Inglaterra e o noroeste da França.

Possui aproximadamente 560 quilômetros de extensão, com largura de 240 quilômetros no seu trecho mais largo e de 34 quilômetros, aproximadamente, na porção mais estreita. Essa região menor é conhecida como Estreito de Dover e faz a conexão entre o Canal da Mancha e o Mar do Norte.

Mapa do Canal da Mancha
 Mapa do Canal da Mancha.

Comparado aos outros mares do Atlântico que banham o continente europeu, o Canal da Mancha é um dos mais rasos. Sua profundidade varia entre 45 e 174 metros, com um assoalho bastante acidentado próximo da costa (inglesa e francesa) e essencialmente plano nas demais áreas. Estima-se que a estrutura geológica que sustenta o Canal da Mancha teve origem há 400 milhões de anos.

Na região do Canal da Mancha há predominância do clima temperado oceânico, com verões amenos e invernos frios. As temperaturas da superfície variam, em média, entre 7 e 16 °C. As chuvas são mais abundantes nos meses mais quentes e podem acumular até 1.000 mm anuais. Durante o período que se estende de outubro a abril, o tempo sobre o Canal da Mancha se torna mais úmido e nublado, o que prejudica a visibilidade na área. Além disso, há a incidência de ventos fortes.

Túnel do Canal da Mancha

Existe um túnel submarino no Canal da Mancha que faz a ligação entre a Inglaterra e a França e recebe o nome de Eurotúnel. O Eurotúnel fica situado próximo ao Estreito de Dover, conforme a imagem, e conecta a cidade britânica de Folkestone à comuna francesa de Coquelles, na região conhecida como Pas-de-Calais.

Mapa indicando o Eurotúnel, o túnel submarino no Canal da Mancha que faz a ligação entre a Inglaterra e a França.
O Eurotúnel fica na região do Estreito de Dover e conecta a Inglaterra à França. [1]

O Túnel do Canal, ou Túnel da Mancha, como é também chamado, possui 50,5 quilômetros no total, dos quais 37,9 quilômetros se encontram situados sob o oceano. Recebe, por isso, o título de maior túnel submarino do mundo. O seu ponto de maior profundidade está situado a 75 metros de profundidade no substrato oceânico.

A construção do Eurotúnel começou no ano de 1988 e foi finalizada cinco anos mais tarde. Em 1994, aconteceu a inauguração da via, realizada pelo presidente francês e pela rainha da Inglaterra à época, Elizabeth II. Depois de quase 25 anos em funcionamento, estima-se que 80 milhões de veículos já realizaram a travessia do Canal da Mancha através do Eurotúnel.

Qual a importância do Canal da Mancha?

O Canal da Mancha possui grande importância econômica, história e científica. O Canal da Mancha é uma importante rota de comércio da Europa, posto que mantém há muitos séculos. O aspecto econômico da Mancha se estende também para o turismo e a pesca, tendo em vista que as temperaturas encontradas nas águas da região são favoráveis para a obtenção de espécies de grande valor comercial, como arenque, sardinha, salmonete e bacalhau-do-atlântico.

No passado histórico, o Canal da Mancha e o Estreito de Dover serviram como barreira física para a Grã-Bretanha, principalmente, e também como via de acesso tanto aos territórios britânicos quanto à Europa continental. O Canal da Mancha foi muito utilizado também durante a Segunda Guerra Mundial (1939-1945), como foi o caso da invasão à Normandia ocorrida em 1944.

A importância do Canal da Mancha é, também, científica. Muitos estudos foram e são desenvolvidos por inúmeras áreas do conhecimento. Além da história, a geologia do Canal da Mancha e o comportamento das águas do Atlântico Norte nessa região são outros temas de grande relevância abordados nas pesquisas.

Travessia do Canal da Mancha

Diariamente, mais de 500 embarcações realizam a travessia do Canal da Mancha, o que pode ser caracterizado como um tráfego intenso. Além dos navios e dos barcos que trafegam por esse trecho do Atlântico Norte, os deslocamentos entre a Inglaterra e a Europa continental podem ser feitos por meio de balsas, que demoram, em média, uma hora e 30 minutos para atravessarem o Canal da Mancha.

O Eurotúnel é outra via utilizada para a travessia do Canal da Mancha, feita por meio de veículos particulares ou pelo trem de alta velocidade conhecido como Eurostar. O trajeto leva em torno de 35 minutos e é a maneira mais rápida de atravessar o Canal da Mancha.

 Veículo realizando a travessia do Canal da Mancha pelo Eurotúnel. [2]
 Veículo realizando a travessia do Canal da Mancha pelo Eurotúnel. [2]

Muitos nadadores de longa distância veem a travessia da Mancha como um esporte, mais precisamente uma ultramaratona aquática. Nesse caso, os atletas nadam pelo Estreito de Dover e tendem a completar o percurso em um período de tempo que varia de 12 a 16 horas.

É importante destacar que muitos imigrantes realizam a travessia do Canal da Mancha, a maioria em direção ao Reino Unido. O transporte é feito por meio de pequenos barcos de pesca e outras embarcações menores que acabam viajando superlotadas, o que torna o percurso ainda mais perigoso. No ano de 2022, mais de 45.000 pessoas oriundas de diversas partes da Europa continental fizeram a travessia em busca de melhores condições de vida, número que foi quase o dobro do registrado em 2021.

Veja também: Canal de Suez — a via artificial que permite a comunicação marítima entre o mar Vermelho e o mar Mediterrâneo

Por que o Canal da Mancha é perigoso?

O Canal da Mancha pode ser perigoso em função de dois fenômenos naturais recorrentes em zonas costeiras.

O primeiro deles é a ocorrência das marés (movimento de descida e subida das águas em relação ao litoral), que podem gerar ondas e correntes muito fortes e colocar em perigo as embarcações e aqueles que atravessam suas águas de outras formas. O Canal da Mancha é famoso por ter algumas das marés mais fortes e complexas do continente europeu, gerando, além de correntes, fortes correntezas e turbulência nas águas.

O clima da região leva à formação de nevoeiro sobre as águas do Canal da Mancha em determinado período do ano. Esse fenômeno natural ocasiona a perda de visibilidade nas áreas onde ocorre e impõe um grande desafio e risco para os condutores de embarcações.

Curiosidades sobre o Canal da Mancha

  • A ideia de um túnel sob o Canal da Mancha, que ligasse a Inglaterra à França, surgiu ainda no século XIX, mais precisamente em 1802.

  • Cerca de 13 mil trabalhadores foram os responsáveis pela construção do Eurotúnel.

  • O nadador britânico Matthew Webb foi a primeira pessoa a atravessar o Canal da Mancha a nado. O feito foi realizado em 1875, e a travessia levou 22 horas.

  • Existem muitas ilhas no Canal da Mancha. As principais delas são as Ilhas do Canal, próximo da costa da França, e a Ilha de Wight, que se separa da Inglaterra pelo Estreito de Solent.

  • Em subsuperfície, as temperaturas sofrem mais variação (com relação à superfície) a oeste, onde podem atingir 5 °C.

  • Havia uma anticlinal (uma dobra, como uma cordilheira) conectando a Grã-Bretanha à Europa continental. Essa formação retinha muita água na região onde hoje fica o mar do Norte. Entretanto, entre 450.000 e 180.000 anos atrás, duas grandes inundações aceleraram o processo erosivo na região e esculpiram um enorme vale. Na última glaciação, há 10.000 anos, uma última conexão terrestre no Estreito de Dover foi destruída, formando o Canal da Mancha como hoje o conhecemos.

Crédito de imagem

[1] Weyoune / Mortadelo2005 / Wikimedia Commons (reprodução)

[2] Goldsithney / Shutterstock

 

Por Paloma Guitarrara
Professora de Geografia

Escritor do artigo
Escrito por: Paloma Guitarrara Licenciada e bacharel em Geografia pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) e mestre em Geografia na área de Análise Ambiental e Dinâmica Territorial também pela UNICAMP. Atuo como professora de Geografia e Atualidades e redatora de textos didáticos.

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

GUITARRARA, Paloma. "Canal da Mancha"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/geografia/canal-da-mancha.htm. Acesso em 29 de maio de 2024.

De estudante para estudante