Topo
pesquisar

Gerundismo: Vício de Linguagem

Gramática

O gerundismo é desnecessário
O gerundismo é desnecessário
PUBLICIDADE

Você pega o telefone, liga para a companhia telefônica para fazer uma queixa e, do outro lado da linha, um rapaz simpático informa: “a senhora pode estar respondendo algumas perguntas?”, “nós vamos estar passando o problema para a equipe técnica. A senhora vai estar pagando uma taxa de reparo....”

É comum nos últimos dias ouvirmos expressões como essas a todo o momento. Trata-se de um fenômeno com implicações semânticas e pragmáticas, usadas, na maioria dos casos, quando o falante não quer repassar a idéia de ações simultâneas, quando a duração não é prioridade.

O gerundismo é uma locução verbal na qual o verbo principal apresenta-se no gerúndio. Seu uso no português brasileiro é recente, é considerado por muitos como vício de linguagem, uma vez que seu uso é demasiadamente impreciso.
O gerúndio não é nefando, ele pode ser usado para expressar uma idéia, uma ação em curso, que ocorre no momento de outra. O seu correto emprego se dá quando se pretende exprimir uma ação durativa, um determinado processo que terá certa duração ou estará em curso.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

A expressão “vou estar reservando” dá idéia de um futuro em andamento, no lugar de “vou reservar”, ou ainda, "reservarei", que narra algo que vai ocorrer a partir do momento da fala.
A origem mais provável para tal estrutura remete-se aos manuais americanos de treinamento de operadores de telemarketing, onde a estrutura “we’ll be sending tomorrow” aparecia com freqüência.
Ao traduzir para o Português, a estrutura ganhou tradução literal (“vamos estar enviando amanhã”) e se espalhou.

Por Marina Cabral
Especialista em Língua Portuguesa e Literatura
Equipe Brasil Escola

Gramática - Brasil Escola

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SILVA, Marina Cabral da. "Gerundismo: Vício de Linguagem"; Brasil Escola. Disponível em <https://brasilescola.uol.com.br/gramatica/gerundismo-vicio-linguagem.htm>. Acesso em 18 de julho de 2018.

  • SIGA O BRASIL ESCOLA