Topo
pesquisar

Muro de Israel

Geografia

O Muro de Israel protagoniza uma grande polêmica em torno de sua construção e evidencia a difícil paz entre judeus e muçulmanos na região da Palestina.
O muro de Israel é um constante alvo de protestos, pichações e obras de artistas de rua *
O muro de Israel é um constante alvo de protestos, pichações e obras de artistas de rua *
PUBLICIDADE

O Muro de Israel é um projeto cuja execução iniciou-se no ano de 2002 e que pretende se colocar como uma barreira entre o território árabe da região da Cisjordânia e o território judeu, representado pelo Estado de Israel, responsável pela sua construção (ver mapa abaixo). Alvo de muitas críticas, esse muro sustenta uma grande polêmica tanto no Oriente Médio quanto fora dele, sendo apenas um dos inúmeros episódios que marcam o conflito e oposição entre Israel e Palestina.

Mapa de localização do Projeto de Construção do Muro de Israel, na Cisjordânia
Mapa de localização do Projeto de Construção do Muro de Israel, na Cisjordânia **

Para compreender o contexto da construção do muro de Israel, que também é conhecido como Muro da Cisjordânia, é preciso ter uma noção sobre as disputas territoriais entre judeus e árabes na região da Palestina. Essa disputa, que ocorre há centenas de anos, intensificou-se a partir do ano de 1949, quando a ONU (Organização das Nações Unidas) iniciou a partilha da região.

Nessa divisão, pouco mais da metade do território ficou sob posse de Israel e o restante foi destinado aos palestinos. Porém, com o passar do tempo e a ocorrência de eventos com os conflitos de 1948 e 1949, a Guerra dos Seis Dias (1967) e a Guerra do Yom Kippur (1973), os acordos realizados foram desrespeitados e a zona sempre foi alvo de constantes disputas e atos terroristas (clique aqui para compreender toda a cronologia de eventos que marcaram essa disputa). Até hoje, a Palestina não é considerada um Estado independente pela comunidade internacional.

Idealizado pelo então primeiro-ministro israelense (já falecido) Ariel Sharon, a justificava para a construção do Muro de Israel foi a de estabelecer uma “zona de segurança” para os judeus, sobretudo após os fatos que ocasionaram a II Intifada, uma ofensiva empreendida pelos palestinos, resultando em uma série de atos terroristas e inúmeros mortos.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Por outro lado, os críticos do Muro da Cisjordânia (tanto dentro como fora de Israel) argumentam que a construção do muro é mais uma ação para ocupar um pouco mais do território da Cisjordânia. Essas posições ganham força com relatórios que apontam o confisco de zonas palestinas pelos israelenses, algumas delas ricas em recursos naturais (sobretudo hídricos). Estima-se, atualmente, que os “desvios” na construção desse muro já tenham ocupado cerca de 9% do território da Palestina. Além disso, há informações de inúmeras aldeias palestinas que ficaram isoladas do restante de seu território, transformando suas populações em mão de obra barata para as empresas israelenses.

Existem ameaças de que a construção do muro deva ser interrompida, pois muitas pessoas não enxergam mais a sua utilidade, tendo-o mais como um empecilho do que propriamente como uma vantagem. Algumas entidades questionam, inclusive, os danos ambientais provocados pelas obras na região. O fato é que a obra foi interrompida várias vezes, inclusive em 2011, quando foi considerada ilegal. Até 2013, sabe-se que elas ultrapassaram os 65% de conclusão.

Aqueles que ainda defendem a existência do Muro de Israel afirmam que, desde a construção, houve uma sensível redução nas ondas de violência e na ocorrência de atentados terroristas pelas organizações em defesa da Palestina. Apesar de essa redução ser verdadeira, ela não possui uma relação direta com a existência do muro, mas sim com os recentes acordos promovidos pelos dois lados do conflito.

_________________________

* Fonte da Imagem: Zvonimir Atletic e Shutterstock

** Créditos: Costello e Wikimedia Commons [com alterações]


Por Rodolfo Alves Pena
Graduado em Geografia

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

PENA, Rodolfo F. Alves. "Muro de Israel"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/geografia/muro-israel.htm. Acesso em 22 de julho de 2019.

  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Brasil Escola