Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon
Em 10/08/2017 14h56 , atualizado em 10/08/2017 14h58

Novo Ensino Médio ganha cartilha para esclarecer dúvidas de alunos e professores

Notícias

Lançamento foi feito na noite de ontem (9) no Senado. Material será distribuído em todo o país. Por Lorraine Vilela Campos
PUBLICIDADE

A Cartilha do Novo Ensino Médio foi lançada na noite de ontem, 9 de agosto, no Senado Federal, em Brasília. O material será distribuído nas escolas para esclarecer as principais dúvidas das mudanças estabelecidas pela Lei 13.415/2017

Conheça o Novo Ensino Médio

A Cartilha do Novo Ensino Médio é impressa pela gráfica do Senado e será distribuída, inicialmente, em Mato Grosso do Sul. A iniciativa da confecção do material foi do relator da Lei das mudanças no ensino médio, senador Pedro Chaves (PSC-MS). Alguns exemplares já foram entregues como teste e, segundo o Senado, a resposta foi positiva. 

A ideia de criar um material didático que explique as mudanças no ensino médio surgiu das perguntas feitas durante o debate da reforma. Entre as principais dúvidas estão a flexibilização das disciplinas, a formação técnica dos estudantes e a implantação do ensino integral. 

De acordo com o ministro da Educação, Mendonça Filho, falta a última parte para que o Novo Ensino Médio entre em vigor, que é a elaboração da nova Base Nacional Curricular Comum (BNCC), a qual definirá a grade curricular (disciplinas) trabalhadas em 60% do ensino médio. A previsão do Ministério é de que ela seja homologada no início de 2018 e que o novo modelo do ensino médio esteja em funcionamento em 2019. 

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Novo Ensino Médio

A Lei do Novo Ensino Médio altera o seu formato e disciplinas, além da possibilidade de aproveitamente de créditos no ensino superior. As mudanças estão elencadas em divisão das matérias; disciplinas que serão obrigatórias e a BNCC. 

Outra mudança presente no Novo Ensino Médio é a carga horária, a qual será aumentada progressivamente, além da adoção gradual do tempo integral. O Governo Federal afirma que repassará R$ 1,5 bilhão para os governos para que haja essa implantação. 

Uma das polêmicas que surgiram quando houve o anúncio do Novo Ensino Médio foi a possibilidade de profissionais de outras áreas atuarem como professores. Eles poderão dar aulas para formação técnica e profissional. Saiba mais

Você pode conferir detalhadamente como será o Novo Ensino Médio neste artigo do Brasil Escola

Relacionados
Com o Novo Ensino Médio, os estados poderão oferecer até 30% da carga horária na modalidade de educação a distância (EaD). A determinação faz parte das novas Diretrizes Curriculares Nacionais (DCNs) do Ensino Médio.
A nova BNCC foi entregue pelo MEC ao Conselho Nacional de Educação, que agora deve discutir a proposta.
O MEC liberou o cronograma para iniciar as mudanças do Novo Ensino Médio. Alterações começam em 2022.
Medida Provisória do Novo Ensino Médio foi publicada na tarde desta sexta-feira, 23 de setembro, em edição extra do Diário Oficial da União.
Entenda o que muda nas escolas nos próximos anos após a reforma do ensino médio ter sido aprovada. Veja o conteúdo da BNCC e os itnerários formativos.
O presidente Michel Temer assinou a Medida Provisória (MP) que reformula o ensino médio no Brasil. Veja o que mudou!