Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Silicone

Química

O silicone é formado pelo seguinte esqueleto inorgânico: silício-oxigênio. Ele é muito usado em próteses mamárias, impermeabilizantes, graxa lubrificante, selantes etc.
Silicone para prótese nos seios
Silicone para prótese nos seios
PUBLICIDADE

O silicone ficou popularmente conhecido após seu uso na medicina como prótese para estética mamária.

O implante de silicone nas mamas é realizado através de cirurgia, onde o médico especialista faz uma pequena incisão por onde implanta a prótese de silicone em forma de gel, embalada por uma membrana resistente e maleável. Ela é posicionada por entre as glândulas mamárias e o músculo peitoral e precisa ser trocada depois de 15 ou 20 anos.

Agora vamos à química do silicone, que é formado por um esqueleto inorgânico silício-oxigênio (…-Si-O-Si-O-Si-O-…) com grupos laterais orgânicos ligados aos átomos de silício.


Fórmula estrutural do silicone

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Repare que a molécula ilustrada acima é formada por silício e oxigênio intercalados, contendo também grupos orgânicos (CH3) na sua estrutura. Com isso podemos concluir que silicones são um misto de material orgânico e inorgânico com fórmula química geral: [R2SiO]n, onde R é grupo orgânico como metil, etil, e fenil.

Mas as aplicações desse material não dizem respeito somente à estética corporal, ele pode ser ainda empregado na fabricação de impermeabilizantes de superfícies, graxa lubrificante, cera de polimento, adesivos, selantes, colas de silicone, etc.
 

Por Líria Alves
Graduada em Química

 

Veja mais!
Obtenção e uso do silicone

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SOUZA, Líria Alves de. "Silicone"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/quimica/silicone.htm. Acesso em 30 de novembro de 2021.