close
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

O temível canhão Flack

O temível canhão Flack foi uma das mais eficazes armas antiaéreas da Segunda Guerra Mundial.

O canhão Flak foi a mais poderosa arma de ataque antiaéreo do exército nazista
O canhão Flak foi a mais poderosa arma de ataque antiaéreo do exército nazista
Imprimir
Texto:
A+
A-

PUBLICIDADE

Sabemos que as duas guerras mundiais, mas especialmente a Segunda, foram acontecimentos catastróficos que produziram um impacto feroz em todo o âmbito da vida humana no século XX. A Segunda Guerra Mundial, especificamente, transformou a estrutura socioeconômica, cultural e comportamental de todo o mundo. Mas além dessa significação universal, a Segunda Guerra pode ser entendida também a partir de pontos particulares, especialmente se considerarmos a rápida evolução tecnológica da indústria bélica nesse período. É o caso do desenvolvimento e da aplicação no campo de batalha do canhão antiaéreo Flak, de 88 milímetros de calibre.

A linha de canhões Flak foi desenvolvida na Alemanha sob o governo nazista. O nome é uma abreviatura do termo alemão Flugabwherkanone (Arma antiaérea). Os modelos Flak são precursores das baterias antiaéreas contemporâneas e tinham a capacidade de abater aeronaves a quinze quilômetros de altura. A empresa desenvolvedora do Flak foi a Rheinmetal Defense, que começou a fabricar os primeiros protótipos ainda nos anos 1930, antes do estouro da Segunda Guerra.

O modelo mais eficaz da linha produzida pela Rheinmetal Defense foi o Flak-41 L/74, de 88 milímetros, de 1941, que ficou famoso por ser capaz de disparar 20 projéteis por minuto e derrubar aviões bombardeiros dos países aliados. A presença desse modelo nos campos de batalha impunha medo nos adversários, já que um só tiro de alta precisão seria suficiente para dar cabo de uma aeronave de grande porte. Porém, antes de se chegar ao modelo de 1941, foram necessários testes com outros três modelos, o Flak-18, o Flak-36 e o Flak-37.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

O Flak geralmente era transportado para regiões de defesa por veículos de tração pesada e lá ficava fixado e armado. Outra empresa alemã, a Krupp AG, conseguiu adaptar o mesmo modelo para o armamento de tanques blindados. Foi o caso do armamento do Tiger II, um dos mais poderosos tanques de guerra da história. Todavia, o calibre, que era de 71 mm, o comprimento do cano e o alcance do tiro eram bem menores que os do modelo usado como arma antiaérea.


Por Me. Cláudio Fernandes

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

FERNANDES, Cláudio. "O temível canhão Flack"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/guerras/o-temivel-canhao-flack.htm. Acesso em 25 de maio de 2022.

De estudante para estudante


Estude agora


Estrela da vida inteira I Análise literária

Descrição do vídeo: Assista a nossa videoaula para conhecer um pouco mais da obra Estrela da vida inteira, do poeta...

Imagem de uma função

Nesta aula veremos um breve resumo do que é domínio e contradomínio de uma função para compreendermos o que é...