Topo
pesquisar

Em outras línguas: palavras de origem portuguesa

Gramática

Há quem se queixe dos estrangeirismos linguísticos em nossa “última flor do Lácio”, mas muita gente não sabe que existem palavras de origem portuguesa em outros idiomas.
PUBLICIDADE

 LÍNGUA PORTUGUESA

Última flor do Lácio, inculta e bela,
És, a um tempo, esplendor e sepultura:
Ouro nativo, que na ganga impura
A bruta mina entre os cascalhos vela...

Amote assim, desconhecida e obscura,
Tuba de alto clangor, lira singela,
Que tens o trom e o silvo da procela
E o arrolo da saudade e da ternura!

Amo o teu viço agreste e o teu aroma
De virgens selvas e de oceano largo!
Amo-te, ó rude e doloroso idioma,

Em que da voz materna ouvi: "meu filho!"
E em que Camões chorou, no exílio amargo,
O gênio sem ventura e o amor sem brilho!

Olavo Bilac

O poema de Olavo Bilac é um soneto, mas bem que poderia ser uma ode à língua portuguesa. Essa “última flor do Lácio, inculta e bela”, expandiu seus domínios quando os portugueses lançaram-se no mar no período das Grandes Navegações, e o resto da História conhecemos bem. Colonizaram estes lados do Atlântico e deixaram para os brasileiros a sua maior herança cultural: o idioma.

A língua portuguesa é a língua oficial de oito países. Não é muito, principalmente se compararmos com os domínios da língua inglesa, mas faz de nosso idioma o oitavo mais falado no mundo. Há quem se queixe dos estrangeirismos, fenômeno que comprova a dinamicidade e organicidade da linguagem, mas a maioria de nós não sabe que o português também está presente em outras línguas, mesmo que de maneira tímida. Para você ter uma ideia, você sabia que o português emprestou palavras até mesmo para o japonês? Pois é, é verdade, e essa história a História explica direitinho.

Que tal conhecer algumas palavras de origem portuguesa “infiltradas” no inglês, no espanhol e no japonês? Veja a lista e surpreenda-se:

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Palavras inglesas de origem portuguesa:

Zebra;

Fetish (oriunda do vocábulo feitiço);

Mosquito;

Varandah (oriunda do vocábulo varanda);

Palavras espanholas de origem portuguesa:

Barroco;

Lancha;

Jangada;

Mimoso;

Chato;

Caramelo;

Ostra.

Palavras japonesas de origem portuguesa:

イギリス・英吉利 (pronuncia-se igirisu): inglês

ビードロ (pronuncia-se biidoro): vidro

パン・麺麭・麪包 (pronuncia-se pan): pão

Viu só? As palavras de origem portuguesa chegaram muito longe, foram parar até mesmo no Japão! Isso comprova que nenhuma língua é estática, encerrada em si mesma. As línguas são vivas e estão o tempo todo recebendo influências de outras, e quem determina o que fica e o que cai no esquecimento somos nós, os falantes. Perpetuam-se apenas os estrangeirismos que caem no gosto popular, e alguns adaptam-se tão bem em uma outra cultura que mal percebemos sua verdadeira origem, vide as transformações morfológicas e prosódicas. Portanto, não há o que temer, os empréstimos linguísticos não podem colocar em risco nenhum idioma.


Por Luana Castro
Graduada em Letras
 

O português rompeu os mares e foi parar no Japão! Nosso idioma emprestou vários vocábulos para o inglês, para o espanhol e até mesmo para o japonês
O português rompeu os mares e foi parar no Japão! Nosso idioma emprestou vários vocábulos para o inglês, para o espanhol e até mesmo para o japonês

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

PEREZ, Luana Castro Alves. "Em outras línguas: palavras de origem portuguesa"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/gramatica/em-outras-linguas-palavras-origem-portuguesa.htm. Acesso em 11 de dezembro de 2019.

  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Brasil Escola