Topo
pesquisar

Nevada

Geografia

Grande parte do território de Nevada, um dos cinquenta estados norte-americanos, é composta por desertos.
PUBLICIDADE

Localizado na Região dos Estados das Montanhas Rochosas, Nevada é o Estado que apresenta os maiores índices de crescimento populacional dos Estados Unidos. O mesmo limita-se com Oregon e Idaho ao norte, Utah e Arizona ao leste, e com a Califórnia ao sul e a oeste.

Os primeiros exploradores da região foram os espanhóis, que deram o nome atual ao Estado devido à grande precipitação de neve que ocorre no mesmo durante o inverno. Posteriormente, em 1821, a região passou para o domínio mexicano. Nevada foi anexado pelos Estados Unidos em 1848, com o final da Guerra Mexicano-Americana, e elevada à categoria de Estado após a Guerra Civil Americana, em 1864.

O mesmo possui um pequeno número de rios. A maior parte de sua região é desértica, assim, suas temperaturas variam bastante entre o dia e a noite. Os invernos costumam ser bastante frios, principalmente na região norte do Estado, com médias de -4°C. Já no verão, as maiores temperaturas são encontradas no sul, com médias de 30°C. Nevada possui as menores taxas de precipitação dos Estados Unidos.

Embora o Estado tenha um grande crescimento populacional, causado principalmente pela imigração mexicana, grandes partes de seu território são desérticas. As principais conglomerações humanas se localizam nas cidades de Las Vegas e Carson City-Reno. A maior fonte de renda de Nevada é o turismo: os cassinos de Las Vegas atraem turistas de todo o mundo. Outra significativa atividade econômica do Estado é a mineração; o mesmo é um grande produtor de prata, ouro, petróleo e areia.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)
Las Vegas é bastante conhecida pelos seus cassinos
Las Vegas é bastante conhecida pelos seus cassinos

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

DANTAS, Tiago. "Nevada"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/geografia/nevada.htm. Acesso em 15 de novembro de 2019.

  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Brasil Escola