Taiga

Taiga é um bioma de clima frio localizado no Hemisfério Setentrional. É formado por uma densa floresta de coníferas e espécies de animais adaptadas às condições extremas.

A Taiga é um bioma que ocorre no Hemisfério Norte, nas áreas localizadas acima da floresta temperada e abaixo da Tundra. Recebe também o nome de floresta boreal ou floresta de coníferas, o que se deve à sua cobertura vegetal composta por árvores como ciprestes, pinheiros e abetos.

Tanto as espécies vegetais quanto animais são adaptadas ao clima frio do tipo Continental seco, marcado por invernos rigorosos e verões amenos. A Taiga se encontra ameaçada pelo avanço, cada vez maior, do extrativismo animal e vegetal assim como pelo aumento das temperaturas da Terra.

Leia também: Quais são os principais biomas do mundo?

Principais características da Taiga

A Taiga é um bioma característico das terras frias do Hemisfério Norte, distribuindo-se entre as zonas Temperada e Polar Ártica. Essa região é conhecida como subártica, e fica entre os paralelos 50º N e 60º N.

Sendo assim, a floresta boreal, como pode ser chamada, é limitada, ao norte, pela Tundra e, ao sul, pela floresta temperada, marcando a transição entre as áreas permanentemente frias e as regiões de temperaturas mais amenas do planeta.

Distribuição da Taiga na superfície terrestre.
Distribuição da Taiga na superfície terrestre.

O território russo abriga a maior extensão do mundo desse bioma, que se distribui também por grandes extensões de terra na porção setentrional da Europa, como pela:

Na América do Norte, a floresta boreal recobre uma parcela do Canadá e dos Estados Unidos, o que inclui as fronteiras norte e nordeste com o território canadense e o Alasca. Na Ásia, além da Rússia, a Taiga é um bioma típico da ilha japonesa de Hokkaido.

A ocorrência da Taiga se dá em áreas de clima Subártico e Continental seco. O seu principal aspecto consiste nas baixas temperaturas durante todo o ano, notadamente no inverno, quando os termômetros marcam valores abaixo de zero.

As mínimas são geralmente registradas no mês de janeiro, e ficam em torno de -10 ºC e -30 ºC, enquanto as máximas anuais são de 20 ºC. Algumas exceções acontecem, como é o caso da Sibéria. Essa região da Rússia oriental abriga as cidades mais frias do planeta, e as parcelas de terra recobertas pela vegetação conífera podem experimentar mínimas de até -50 ºC nos meses mais frios do ano.

A principal forma de precipitação é a neve, que pode cair de três a seis meses e manter parte da Taiga, sobretudo nas áreas mais ao norte, recoberta em boa parte do ano. As chuvas não são incomuns, embora pouco volumosas. Sua incidência está associada às correntes de convecção que se formam na curta estação quente.

A Taiga é típica de ambientes frios.
A Taiga é típica de ambientes frios.

Os solos da Taiga são, em sua maioria, rasos e pobres em nutrientes, fator esse que se deve aos longos períodos em que passam cobertos pela neve, o que retarda o processo de decomposição de material orgânico. Por conta disso, são caracterizados também pelos elevados índices de acidez. Durante o período mais quente, o derretimento da camada superficial de gelo dá origem a terrenos pantanosos e também a lagos e brejos. Outro aspecto dos solos desse bioma é a sua coloração clara, muitas vezes acinzentada.

Em algumas regiões, observa-se a presença de permafrost, que são solos que possuem uma camada permanentemente congelada. No entanto, esse tipo de solo é típico do domínio da Tundra.

Leia também: Quais são as formas de degradação do solo?

A cobertura vegetal da Taiga é bastante homogênea e composta predominantemente por árvores pertencentes às espécies de coníferas. Por esse motivo, é comum que encontremos esse bioma sendo referenciado como floresta de coníferas. As arbustivas compõem também o quadro natural da Taiga, que dispõe de maior diversidade de espécies na medida em que se aproxima da floresta temperada, ao sul.

Em decorrência da neve e da baixa incidência de luz solar por entre o denso dossel da floresta boreal, principalmente no inverno, é menos frequente a presença de vegetação rasteira, como musgos e líquens, embora existente.

As plantas da Taiga são adaptadas às condições climáticas da sua área de ocorrência, isto é, à longa exposição ao frio e à neve. As folhas das árvores, no formato de agulhas (aciculares), possuem uma fina cobertura de cera que serve como mecanismo de proteção contra as baixas temperaturas, além de conterem pouca seiva, evitando, assim, o seu congelamento. O formato cônico das árvores faz com que não haja acúmulo de neve, e, além disso, não ocorre a perda de folhas durante o ano. São, portanto, árvores perenifólias.

Como vimos, a vegetação característica da Taiga é a floresta de coníferas. Assim, sua flora é formada por árvores como:

Entre as arbustivas, são encontradas espécies frutíferas, como o morango-selvagem, o mirtilo, o boldo, a airela ou oxicoco (cranberry), e uma grande variedade de berries, mais popularmente conhecidas como frutos selvagens. Adiciona-se a essa listagem, ainda, o boldo, as samambaias, os cogumelos. Onde ocorre a formação de turfeiras pelo acúmulo de água, observa-se espécies como chá-de-labrador, amoras e algodoeiros.

Diversas espécies de capim recobrem determinadas áreas desse domínio vegetal, assim como musgos e líquens, a exemplo do musgo-de-rena, e plantas de pequeno porte, como a erva-de-fogo. De rara ocorrência, são os salgueiros arbustivos, carvalhos, bordos, ulmeiros, álamos e tramazeiras.

A paisagem da Taiga é formada principalmente por coníferas.
A paisagem da Taiga é formada principalmente por coníferas.

A fauna da Taiga é composta por mamíferos como:

Estes últimos pertencem ao grupo dos roedores, presentes nas áreas onde há abundância de vegetação de pequeno e médio porte.

As aves de rapina também são comuns nesse domínio, como corujas e águias, falcões e aves migratórias que se deslocam para as altas latitudes durante o seu período reprodutório. Uma grande diversidade de insetos que vivem tanto nas florestas quanto nas áreas mais úmidas compõe também a fauna da floresta boreal.

Uma grande diversidade de animais habita a Taiga, como lobos e ursos.
Uma grande diversidade de animais habita a Taiga, como lobos e ursos.

Degradação e conservação da Taiga

A Taiga representa, aproximadamente, um terço da cobertura de florestas do planeta. Não obstante a baixíssima densidade demográfica nas áreas de abrangência desse bioma, ele enfrenta sérios problemas decorrentes, direta e indiretamente, das atividades humanas, seja pelo extrativismo vegetal e pela caça, seja pelos efeitos da intensificação do aquecimento global. O aumento da temperatura desse ambiente pode mudar parcial ou completamente a distribuição da vida animal e vegetal bem como a quantidade já reduzida de espécies.

A floresta de coníferas se tornou uma fonte de matéria-prima para a indústria madeireira, que visa pinheiros, cedros e abetos para a utilização diversa que extrapola a construção civil e a produção moveleira. O corte é predatório por si só, mas a tática mais comum utilizada é chamada de corte raso, que consiste na remoção de todas as árvores de uma determinada área, trazendo consequências para os solos (aumento do risco de erosão, por exemplo) e para a vida animal, pois há a destruição do habitat de uma grande variedade de espécies.

O processo de degradação da Taiga acontece também pela exploração do subsolo, já que não é incomum a presença de recursos como petróleo, carvão, gás natural e outros minérios de grande valor econômico. A conservação desses ambientes se faz necessária para a manutenção do equilíbrio ecossistêmico não somente local como também global.

Veja também: Queimadas no Pantanal – processo cuja consequência é a destruição desse importante bioma

Quais as diferenças entre Taiga e Tundra?

A Taiga e a Tundra são ambos biomas característicos de climas frios e que compartilham alguns poucos elementos, mas são bastante distintos quando analisados com um pouco mais de cuidado. A principal diferença se encontra na paisagem. A Taiga pode ser chamada de floresta de coníferas ou boreal pela grande presença de árvores, vegetação essa que não ocorre na Tundra.

Como está localizada em uma região de clima Subártico, as temperaturas na Taiga são mais amenas, isto é, menos rigorosas do que na Tundra, sobretudo nas áreas mais próximas da floresta temperada. Para saber mais detalhes acerca desse outro bioma, leia o texto: Tundra.

Resumo sobre Taiga

Exercícios resolvidos

Questão 1 - (Unicamp) O mapa abaixo mostra a distribuição global do fluxo de carbono. As regiões indicadas pelos números I, II e III são, respectivamente, regiões de alta, média e baixa absorção de carbono.

Considerando-se as referidas regiões, pode-se afirmar que os respectivos tipos de vegetação predominante são:

A) I- Floresta Tropical; II- Savana; III- Tundra e Taiga.

B) I- Floresta Amazônica; II- Plantações; III- Floresta Temperada.

C) I- Floresta Tropical; II- Deserto; III- Floresta Temperada.

D) I- Floresta Temperada; II- Savana; III- Tundra e Taiga.

Resolução

Alternativa A. Os números correspondem à floresta tropical, savanas e à Tundra e à Taiga, representados estes últimos pelo algarismo III nas áreas setentrionais do mapa.

Questão 2 - A Taiga é um bioma típico das áreas subárticas da Terra, marcadas pelo frio intenso. Encontra-se ameaçado, hoje em dia, pelo avanço das atividades exploratórias e pelo aquecimento global. Assinale a alternativa incorreta sobre esse domínio:

A) A sua principal formação vegetal é a floresta de coníferas.

B) Apresenta solos ácidos e pouco propícios ao desenvolvimento da agricultura.

C) As camadas congeladas de solo impedem a extração mineral do subsolo.

D) O degelo da neve acumulada pode formar pântanos e lagos nas áreas mais rebaixadas e planas.

E) Diferencia-se da Tundra principalmente pela presença de árvores.

Resolução

Alternativa C. Diferentemente do afirmado, em muitos locais da Taiga, acontece a extração de recursos minerais do subsolo sem quaisquer impedimentos de ordem física.

 


Por Paloma Guitarrara
Professora de Geografia


Fonte: Brasil Escola - https://brasilescola.uol.com.br/geografia/taiga.htm