Notificações
Você não tem notificações no momento.
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Guerras Hussitas

Jan Hus
Jan Hus
Imprimir
Texto:
A+
A-
Ouça o texto abaixo!

PUBLICIDADE

Jan Hus foi um pensador e reformador religioso que começou a introduzir os elementos do protestantismo na Boémia, atual República Tcheca. A Igreja Católica acusou-o de herege e o condenou a ser queimado vivo. A maioria da população era adepta à sua filosofia, o que fez com que sua morte gerasse tamanha revolta.

Até mesmo os nobres boémios, descontentes com a Igreja Católica, enviaram ao Concílio de Constança um protesto conhecido como o "protestatio Bohemorum", o qual condenava a execução de Hus numa linguagem clara e forte. Tudo caminhou para a guerra quando o rei romano Sigismundo afirmou que iria afogar todos os seguidores de Jan Hus, o que irritou toda a população.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)


Os hussitas resistiram a uma série de cruzadas lançadas contra a Boêmia e realizaram incursões na direção da Polônia e da Alemanha. O fracasso hussita veio devido às divisões internas. Uma parte dos protestantes era mais moderada e ligada à burguesia, esses firmaram um acordo com Sigismundo e a Igreja Católica.
Escritor do artigo
Escrito por: Tiago Dantas Escritor oficial Brasil Escola

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

DANTAS, Tiago. "Guerras Hussitas"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/guerras/guerras-hussitas.htm. Acesso em 18 de maio de 2024.

De estudante para estudante