Fundo Menu
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

A palavra milhão... desvendando curiosidades

Como toda classe gramatical, os numerais  revelam traços distintos
Como toda classe gramatical, os numerais revelam traços distintos
Imprimir
Texto:
A+
A-

PUBLICIDADE

Eis que estamos diante de uma classe gramatical, ora representada pelos numerais, que, semelhantemente a outras que integram tal modalidade, possuem traços distintos. Partindo dessa premissa, o artigo em questão tem por finalidade discorrer acerca da palavra “milhão”, que, sem nenhuma dúvida, é alvo de alguns questionamentos por parte dos usuários da língua.

Antes de tudo, torna-se relevante compreendermos que o termo em referência classifica-se como um numeral substantivo, isto é, possui gênero e número próprios, o que o distingue de “mil”, ora classificado como um numeral adjetivo, cuja característica se revela por aparecer sempre relacionado a um substantivo. Por essa razão, dizemos “Os milhões de metros quadrados”, mas somente dizemos “As mil garotas”. No primeiro, o artigo “os” determina “milhões”; no segundo, o artigo “as” determina “garotas”.

Outra particularidade que ao elemento se refere manifesta-se pela concordância verbal. De que modo deveríamos dizer:

“Cerca de um milhão de habitantes reside naquela cidade”

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Ou

“Cerca de um milhão de habitantes residem naquela cidade”?

Para nossa felicidade, vale mencionar que ambas as formas estão corretas. Tal afirmativa se confirma ao constatarmos que “milhão” representa o núcleo do sujeito (cerca de um milhão de habitantes). Portanto, a concordância se dá por esse aspecto, isto é, como aparece expresso no singular, o verbo então concorda com ele.
Contudo, como o termo “habitantes” vem demarcado no plural, a concordância do verbo (residem) se faz de forma atrativa, permanecendo no plural. 

Constatamos que em ambos os casos o sujeito antecede o verbo. Todavia, quando o contrário ocorre (o verbo é que o antecede), tais flexibilidades não são possíveis, visto que, se assim for, a proximidade do verbo com o termo pluralizado desaparece – perfeitamente constatável em construções do tipo: 

Reside naquela cidade um milhão de habitantes.

Por Vânia Duarte
Graduada em Letras

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

DUARTE, Vânia Maria do Nascimento. "A palavra milhão... desvendando curiosidades "; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/gramatica/a-palavra-milhao-desvendando-curiosidades.htm. Acesso em 07 de julho de 2022.

De estudante para estudante


Qual a diferença entre os “porquês”?

Por Brasil Escola
Responder
Ver respostas

Qual a diferença entre frase e oração?

Por Brasil Escola
Responder
Ver respostas

PUBLICIDADE

Estude agora


Quem foi Nelson Mandela?

Assista a nossa videoaula para conhecer a história de Nelson Mandela (1918-2013). Confira também, no nosso...

Êxodo rural

Assista à nossa aula e descubra o que é o êxodo rural. Conheça as causas e consequências desse fenômeno mundial....