Topo
pesquisar

Teoria antimalthusiana

Geografia

A teoria antimalthusiana, conhecida também como teoria reformista, vai contra os ideais da teoria neomalthusiana.
PUBLICIDADE

A teoria antimalthusiana ou reformista confronta as ideias neomalthusianas que focalizam seus esforços somente no controle demográfico dos países pobres, na teoria reformista o conceito proposto é o oposto, os países subdesenvolvidos são pobres e por isso possuem uma grande camada da sociedade composta por jovens.

Desse modo, todos os processos demográficos não devem ser compreendidos ou abordados de forma generalizada, uma vez que estudos estatísticos não relevam a verdadeira realidade de determinada sociedade, pois é fundamental conhecer as condições da essência socioeconômica característica de cada uma delas.

A maior parcela da população mundial é formada por excluídos, por estarem fora do mercado de trabalho que exige boa qualificação e que automaticamente oferece salários satisfatórios, isso ocorre pela falta de uma educação efetiva e de qualidade, além de saúde, habitação entre outros fatores sociais. A queda no crescimento populacional apenas se desenvolve a partir do momento que a população adquire uma melhoria na qualidade de vida.
Desse modo, essa afirmação pode ser desconsiderada a partir do crescimento populacional econômico dos países desenvolvidos.

Por Eduardo de Freitas
Graduado em Geografia

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Bairro onde vivem pessoas excluídas
Bairro onde vivem pessoas excluídas

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

FREITAS, Eduardo de. "Teoria antimalthusiana "; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/geografia/teoria-antimalthusiana.htm. Acesso em 19 de setembro de 2019.

  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Brasil Escola