Topo
pesquisar

Recarregando baterias

Física

Muitos dos aparelhos eletrônicos fazem uso de baterias ou pilhas que podem ser recarregadas. Desta forma, podemos dizer que essas bateiras hora são consideradas como geradores, hora como receptores.
PUBLICIDADE

São diversos os equipamentos que necessitam de energia elétrica para funcionar. Alguns deles precisam que a bateria seja trocada, outros possuem pilhas ou baterias que são recarregáveis. Um exemplo de uso de bateria recarregável é o automóvel, pois quando damos a partida no motor, a bateria que nele há fornece energia necessária para acionar o motor de arranque.

Podemos dizer que esse processo ocorre porque a energia elétrica que aciona o motor de partida nada mais é do que a energia que está armazenada nas ligações químicas e se transformou em energia elétrica. Depois que o motor inicia seu funcionamento, outro dispositivo chamado de alternador (ou dínamo) começa a funcionar, carregando a bateria do automóvel.

A corrente entra pelo polo positivo da bateria
A corrente entra pelo polo positivo da bateria

Podemos ver na figura acima que ao invés da corrente elétrica sair do terminal positivo da bateria, ela entra pelo polo positivo. Assim, as reações químicas ocorrem no sentido inverso ao verificado na fase em que a bateria estava acionando o motor de partida.

Vemos que nesse processo a bateria recebe energia elétrica, que fica armazenada nas ligações químicas, e não fornece energia elétrica ao circuito. Assim dizemos que a bateria do automóvel funciona como um receptor e não como gerador enquanto o carro está em funcionamento.

Podemos encontrar esse mesmo processo junto aos telefones sem fio e também nas baterias dos telefones celulares. Pois quando estamos fazendo uso desses tipos de telefones suas baterias funcionam como geradores, pois a corrente sai do polo positivo. Mas quando suas baterias acabam, ou melhor, descarregam, elas são colocadas em aparelhos ligados à energia elétrica para serem carregadas.

Nessa fase, elas não funcionam como geradores, mas sim como receptores: a corrente entra pelo polo positivo. Há baterias que não podem ser recarregadas, pois as reações químicas não podem ocorrer em sentido inverso. As baterias recarregáveis são também chamadas de geradores reversíveis.

Quando um gerador reversível funciona como receptor, sua força eletromotriz (E) costuma ser chamada de força contraeletromotriz, que se abrevia por f.c.e.m. Um motor elétrico recebendo energia de um gerador também é um receptor.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Por Domiciano Marques
Graduado em Física
Equipe Brasil Escola

Bateria sendo carregada
Bateria sendo carregada

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SILVA, Domiciano Correa Marques da. "Recarregando baterias"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/fisica/recarregando-baterias.htm. Acesso em 23 de outubro de 2019.

  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Brasil Escola