Notificações
Você não tem notificações no momento.
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Quebra catalítica de hidrocarbonetos

Catalisadores usados na quebra catalítica
Catalisadores usados na quebra catalítica
Imprimir
Texto:
A+
A-
Ouça o texto abaixo!

PUBLICIDADE

Dentre os subprodutos derivados do petróleo, sem dúvida, a gasolina é a que tem maior demanda.

Uma determinada quantidade de petróleo dá origem a graxas, óleos lubrificantes, parafinas, entre outros, mas nenhum destes possui maior valor comercial do que o combustível que confere movimento aos veículos. Foi pensando nesta necessidade de consumo que se desenvolveu um processo que permite transformar cadeias de hidrocarbonetos em gasolina.

O craqueamento surgiu como solução para o alto consumo de combustíveis dos últimos anos. O processo é simples, hidrocarbonetos de grande peso molecular são quebrados em cadeias menores. Os catalisadores ilustrados na imagem inicial são importantes na produção, pois eles cumprem o papel de acelerar a reação.


Reação de craqueamento

Repare que as longas cadeias são quebradas em cadeias menores por meio de catalisadores.

Mas de onde vem a matéria-prima usada neste processo? Vem do próprio petróleo e corresponde à fração usada para o querosene.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Por Líria Alves
Graduada em Química
Equipe Brasil Escola

Química orgânica - Química - Brasil Escola

Escritor do artigo
Escrito por: Líria Alves de Souza Escritor oficial Brasil Escola

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SOUZA, Líria Alves de. "Quebra catalítica de hidrocarbonetos"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/quimica/quebra-catalitica-hidrocarbonetos.htm. Acesso em 16 de julho de 2024.

De estudante para estudante


Videoaulas