Notificações
Você não tem notificações no momento.
Whatsapp icon Whatsapp
Copy icon

Rei Luís XIII da França

Rei Luís XIII, principal rei absolutista da França
Rei Luís XIII, principal rei absolutista da França
Imprimir
Texto:
A+
A-
Ouça o texto abaixo!

PUBLICIDADE

Rei francês (1610-1643) nascido no Palácio de Fontainebleau, filho mais velho de Henry IV, que morreu assassinado (1610), e Maria de Médicis, que patrocinou a fundação da Academia Francesa (1634), através do Cardeal Richelieu. Ao assumir o trono demitiu Concino Concini, homem forte do período de regência e trouxe para seu governo o brilhante e enérgico Armand-Jean du Plessis Richelieu (1585-1642) , o famoso cardeal e duque de Richelieu.

Nomeado primeiro-ministro (1624) em pouco tempo, tornou-se a figura principal do rei e senhor absoluto da França. Politicamente, investiu contra o poderio da nobreza aristocrática, proibiu os duelos e instituiu a pena de morte como pena máxima. Aniquilou várias conspirações para tentar derrubá-lo do poder, principalmente organizadas pela aristocracia. Nomeado duque (1631) pelo rei, a eficiência de seu primeiro-ministro fez com que a Dinastia de Bourbon continuasse a florescer.

Como resultado do trabalho de Richelieu, o monarca tornou-se um dos primeiros exemplares do absolutismo. Subjugou os Hapsburg, a nobreza francesa foi mantida firmemente sob sua ordem, e os privilégios especiais e o poder político concedidos aos huguenots por seu pai foram cancelados, garantindo-lhes apenas a liberdade de culto. Uma marinha poderosa foi construída e o porto de Le Havre foi modernizado.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Em assuntos internacionais, o seu reinado organizou o desenvolvimento e administração da Nova França, e ampliou a colônia de Quebec para oeste ao longo do Rio São Lawrence até Montreal. O rei também fez tudo para inverter a tendência dos artistas promissores de França trabalharem e estudarem na Itália, e contratou grandes artistas como Nicolas Poussin e Philippe de Champaigne para decorar o Palácio de Luxemburgo. Casou-se por conveniência com uma Hapsburg, a Princesa Ana de Áustria (1601-1666), filha de rei Filipe III de Espanha.

Apesar de viveram praticamente separados, cumprindo o dever dela, depois de vinte anos de matrimônio, Anne deu à luz finalmente um filho (1638). Morreu em Paris e foi sucedido (1643) pelo filho Luís XIV, quando este tinha apenas quatro anos e oito meses, ficando sob a regência (1610-1618) de sua mãe Ana, quando assumiu de fato o poder, aos 16 anos. Fundada (1612) pelo nobre francês Daniel de La Touche, Senhor de La Ravardière, a capital do Estado do Maranhão foi chamada de São Luís em homenagem a esse rei francês.

Escritor do artigo
Escrito por: Brasil Escola Escritor oficial Brasil Escola

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

ESCOLA, Brasil. "Rei Luís XIII da França"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/biografia/luis-franca-xiii.htm. Acesso em 20 de julho de 2024.

De estudante para estudante