Topo
pesquisar

Fotius de Constatinopla

Biografia

PUBLICIDADE

Patriarca de Constantinopla (858-867, 877-886), nascido nesta cidade, hoje Istambul, que depôs Ignatius do patriarcado e ungiu-se de todos os poderes, autor principal do grande cisma entre Leste e Oeste. Filho ilegítimo, seu pai era um spatharios, uma espécie de salva-vidas, e sua mãe era uma freira, e assim nasceu de um caso escondido. Porém após descoberta da gravidez o bispo santo, Michael de Synnada, abençoou a futura criança e predissesse que ele se tornaria um patriarca. Conta-se também que sua mãe sonhou que ela daria à luz a um demônio, mas o bispo impediu que seu pai o matasse e disse: Você não pode impedir o que Deus ordenou.

Quando ele nasceu um abade do monastério de Maximine o batizou e lhe deu o nome Photius, que quer dizer Iluminado. Embora estas histórias possam não ser levadas muito a sério. O certo é que o futuro patriarca foi criado por uma das grandes famílias de Constantinopla de tradição no patriarcado e na mocidade optou pela vida monástica ortodoxa. Quando depôs Ignatius do patriarcado e ungiu-se de todos os poderes, o papa Nicolau I reuniu um Concílio em Roma (862) e declarou sua eleição inválida e reabilitou Ignatius.

Apoiado pelo imperador, foi excomungado por Roma. Depois disto foi deposto e reabilitado em várias ocasiões, até que foi finalmente exilado para a Armênia (886), onde morreu. Como Patriarca Bizantino no século IX, desenvolveu uma ampla pesquisa sobre os árabes e teve acesso a manuscritos antigos, os quais hoje não mais existem, em particular ao livro de Agazarachides (132 a. C.).

Fonte: Biografias - Unidade Acadêmica de Engenharia Civil / UFCG

Ordem F - Biografia - Brasil Escola

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Brasil Escola