O que é clorofila?

Compreender o que é clorofila é fundamental para entender o funcionamento dos organismos fotossintetizantes.

A clorofila (do grego: chloros, verde + phyllon, folha) é um pigmento encontrado em plantas, algas e algumas bactérias que apresenta como característica mais marcante sua coloração verde. A clorofila absorve luz nos comprimentos de luz violeta, azul e vermelho e, por esse motivo, reflete a luz verde. Assim sendo, as plantas que possuem clorofila possuem coloração esverdeada.

A clorofila é o pigmento responsável por captar a luz e garantir que organismos fotossintetizantes consigam produzir seu alimento por meio do processo da fotossíntese. Assim sendo, ela é essencial para a manutenção do oxigênio disponível no planeta. Vale destacar que, além disso, esse pigmento possui importância comercial, sendo utilizado, por exemplo, como antioxidante e corante em alimentos.

Estrutura da clorofila

A clorofila é uma molécula pertencente à classe das porfirinas. Ela se destaca pela presença de quatro anéis pirrólicos e um anel isocíclico, que são ligados entre si por pontes metilênicas. No interior da molécula, existe um átomo de magnésio coordenado aos anéis.

A figura acima representa a estrutura da clorofila a, um importante pigmento da fotossíntese
A figura acima representa a estrutura da clorofila a, um importante pigmento da fotossíntese

Tipos de clorofila

A clorofila é um grupo de pigmentos existente em diferentes espécies de organismos. Existem três tipos básicos de clorofila: clorofila a, b e c, além da bacterioclorofila e clorofila clorobium. Veja a seguir algumas das características principais dessas clorofilas:

CURIOSIDADE: O termo clorofila foi proposto em 1818, por Pelletier e Caventou, para nomear a substância de coloração verde que sai das folhas após tratamento com álcool.


Por Ma. Vanessa dos Santos


Fonte: Brasil Escola - https://brasilescola.uol.com.br/o-que-e/biologia/o-que-e-clorofila.htm