Solubilidade dos sais

O estudo da solubilidade dos sais determina se um sal se dissolverá ou não em água. Assim, um sal pode ser classificado em solúvel ou praticamente insolúvel.

A solubilidade dos sais está relacionada com a capacidade de dissolução na água que esses compostos apresentam. Sempre que nos reportarmos à solubilidade de um sal, o solvente empregado será a água.

Denomina-se sal o composto que em água sofre o fenômeno da dissociação, liberando um cátion diferente do hidrônio (H3O+) e um ânion diferente da hidroxila (OH-). Veja a dissociação do NaCl em água:

NaCl(aq) → Na+(aq) + Cl-(aq)

Em relação à solubilidade, podemos classificar os sais em dois grandes grupos:

Para determinar a solubilidade dos sais em água, basta conhecer o ânion presente no sal. Veja as regras que se dirigem aos tipos de ânions:

Veja alguns exemplos de determinação da solubilidade dos sais:

1º) NH4Br

Esse sal possui um halogeneto (Br) acompanhado do grupo NH4+. Por essa razão, trata-se de um sal solúvel, já que o halogeneto só forma sal praticamente insolúveis com os grupos Ag+, Cu+,, Hg2+2 e Pb+2.

2º) (NH4)3PO4

Esse sal possui um fosfato(PO4-3) acompanhado do grupo NH4+. Por essa razão, trata-se de um sal solúvel, já que o fosfato só forma sal solúvel com os grupos NH4 + e metais alcalinos (IA).

3º) Na2SO4

Esse sal possui um sulfato (SO4-2) acompanhado do grupo Na+ (metal alcalino). Por essa razão, trata-se de de um sal solúvel, já que o sulfato só forma sal insolúvel com os grupos NH4 +, cátions Ag+, metais alcalinoterrosos (IIA, com exceção do magnésio), Hg2+2 e Pb+2.


Por Me. Diogo Lopes Dias


Fonte: Brasil Escola - https://brasilescola.uol.com.br/quimica/solubilidade-dos-sais.htm