Topo
pesquisar
Em 27/03/2017 14h41

Olimpíada de Astronomia 2017 recebe inscrições até 2 de abril

Notícias

Provas serão aplicadas no dia 19 de maio para estudantes de todos os anos do ensino fundamental e médio. Por Adriano Lesme
Olimpíada Brasileira de Astronomia
Olimpíada Brasileira de Astronomia

Estão abertas até o dia 2 de abril as inscrições para a Olimpíada Brasileira de Astronomia (OBA) 2017. Podem participar estudantes do ensino fundamental e médio de escolas públicas e privadas. As inscrições devem ser feitas pelas escolas, sem nenhum custo. 

Faça aqui a inscrição de sua escola

Os estudantes serão divididos em quatro níveis, de acordo com a escolaridade:

Nível 1: alunos do 1º ao 3º ano do ensino fundamental;
Nível 2: alunos do 4º e 5º ano do ensino fundamental;
Nível 3: alunos do 6º ao 9º ano do ensino fundamental;
Nível 4: alunos do ensino médio.

A olimpíada é disputada em uma única etapa, com prova aplicada nas escolas no dia 19 de maio. A prova será constituída de 7 perguntas de Astronomia e 3 de Astronáutica, com duração de duas horas para os níveis 1, 2 e 3 e de quatro horas para os participantes do último nível.

No ano passado, mais de 744 mil estudantes de 7.915 escolas de todo o País participaram da OBA. Em 20 edições, a olimpíada já superou a marca de 8 milhões de alunos participantes.

Premiação

Todos os participantes da OBA 2017 receberão certificados no final do ano. Os melhores colocados receberão medalhas de ouro, prata e bronze, de acordo com o desempenho. Ao todo, serão distribuídas 40 mil medalhas entre todos os níveis.

Os alunos com melhor desempenho também vão representar o Brasil na Olimpíada Latino-Americana de Astronomia e Astronáutica e na Olimpíada Internacional de Astronomia e Astrofísica, em 2018.

Custos

A edição deste ano da OBA recebeu R$ 420 mil do Governo Federal, por meio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). O valor é considerado insuficiente para arcar com os cursos de medalhas, certificados e material de divulgação. Há dois anos, por exemplo, a olimpíada recebeu R$ 820 mil.

Por causa do corte no orçamento, os organizadores da OBA diminuíram em 5 mil o número de medalhas, cortaram a divulgação por meio de material impresso e não poderão custear a ida dos melhores colocados para as olimpíadas internacionais. Caso queiram participar, os vencedores terão que arcar com os custos da viagem.

Mais informações no Regulamento da OBA 2017.

  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Brasil Escola