Topo
pesquisar
Em 11/10/2016 16h52

MEC vai implantar tempo integral em até 572 escolas de ensino médio

Notícias

Programa pretende matricular mais de 257 mil alunos em escolas de tempo integral até 2018 Por Adriano Lesme

O Ministério da Educação (MEC) publicou uma Portaria na edição de hoje, 11 de outubro, do Diário Oficial da União, que institui o Programa de Fomento à Implementação de Escolas em Tempo Integral. No total, serão matriculados o máximo de 257.400 alunos em até 572 escolas de ensino médio.

Veja a Portaria nº 1.145

O programa de fomento é uma das etapas da reforma do ensino médio. De acordo com a Portaria, as escolas selecionadas deverão respeitar a carga horária mínima de 2.250 minutos (37,5 horas) por semana, com um mínimo de 300 minutos semanais de Língua Portuguesa, 300 de Matemática e 500 para atividades da parte flexível (a ser definida).

Os estados deverão formalizar a adesão por meio da assinatura de um termo de compromisso e elaboração de um plano de implementação. Depois, as secretarias de educação deverão indicar as escolas aptas a participar do programa, até o limite do seu estado, atendendo o número mínimo de 2.800 alunos.

Veja abaixo a divisão de escolas e vagas por estado:


O número máximo de escolas por estado é 30.

As escolas inscritas passarão por um processo seletivo, cujo cronograma será estabelecido posteriormente pela Secretaria de Educação Básica (SEB), e as selecionadas receberão recursos do governo federal, por meio de repasses para os estados e Distrito Federal. Para garantir as mais de 500 mil matrículas até 2018, o governo federal prevê investimento de R$ 1,5 bilhão. 

Monitoramento

O Governo Federal vai monitorar as escolas selecionadas, que deverão apresentar número mínimo de matrículas, redução da média de abandono e reprovação, alcançar condição de infraestrutura exigida, ter pelo menos 75% de participação no Enem e pontuação acima da média do estado no exame.

  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Brasil Escola