Topo
pesquisar

Fibromialgia

Saúde e Bem-estar

A fibromialgia é uma doença de causa desconhecida, caracterizada pela presença de dor por todo o corpo.
PUBLICIDADE

A fibromialgia é uma síndrome caracterizada principalmente pela presença de dor muscular. É considerada uma forma de reumatismo, entretanto não causa nenhuma lesão nos tecidos. Acomete mais mulheres, mas homens podem desenvolvê-la. Normalmente surge em pessoas com idade entre 30 e 60 anos.

As causas são desconhecidas. Algumas pessoas relacionam essa síndrome a traumas psicológicos ou físicos, como acidentes. Alguns acreditam que possa aparecer após uma dor crônica e até mesmo uma grave infecção. Atualmente, a hipótese mais aceita é que existe uma predisposição genética para a doença.

Os principais sintomas, além das dores no corpo, são fadiga, sonolência, dormências, ansiedade, depressão, irritabilidade, dores de cabeça, tontura, problemas de memória e concentração, entre outros. A depressão é um fator preocupante na fibromialgia, atingindo cerca de 50% dos pacientes. Os distúrbios do sono também são sinais frequentes da doença. Geralmente o paciente se queixa que mesmo após horas de sono acordam cansados, é o chamado sono não reparador.

É importante destacar que por ser uma doença que não causa nenhuma lesão, muitas vezes não se acreditava que a dor relatada pelos pacientes era real. Hoje se sabe que essa dor é causada em razão de uma ampliação nos impulsos dolorosos, sendo que pessoas com essa doença apresentam uma sensibilidade à dor relativamente maior quando comparadas a outras pessoas.

A fibromialgia apresenta um difícil diagnóstico, sendo que normalmente os médicos o fazem baseando-se em alguns critérios como dor com mais de três meses de duração, presença de pontos sensíveis (18 estabelecidos pelo Colégio Americano de Reumatologia), dor em todos os quadrantes (dor do lado direito e esquerdo, bem como acima e abaixo da cintura). É importante destacar que não existem exames capazes de diagnosticar a doença, assim sendo, o diagnóstico é baseado exclusivamente na análise dos sintomas.

A fibromialgia não possui cura, sendo que o tratamento é, portanto, apenas uma forma de diminuir os sintomas. O paciente possui melhor resultado se tratado por uma equipe multidisciplinar, incluindo fisioterapeutas e psicólogos. Normalmente, além de atividade física e assistência psicológica, o paciente é submetido ao uso de medicamentos como antidepressivos e neuromoduladores.

Entre as atividades físicas, podemos destacar as caminhadas e hidroginástica como atividades que levam à melhora do paciente. Em alguns casos, os exercícios tornam-se tão eficientes que existem relatos de pessoas que dispensaram a medicação. A acupuntura em pacientes com fibromialgia não é um consenso entre os médicos, mas há casos em que os pacientes relataram melhora após o início desse tipo de terapia.

Apesar de não possuir cura, é uma doença que não é degenerativa, não causa deformações e, tampouco, incapacidades físicas. Seguindo-se o tratamento rigorosamente, o paciente pode reduzir os quadros de dor consideravelmente.


Por Vanessa dos Santos
Graduada em Biologia

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SANTOS, Vanessa Sardinha dos. "Fibromialgia"; Brasil Escola. Disponível em <http://brasilescola.uol.com.br/saude/fibromialgia.htm>. Acesso em 29 de abril de 2017.

A tendinite ocorre por causa de uma inflamação nos tendões
Doenças e patologias Tendinite
Frequentemente os cristais de ácido úrico acumulam-se nas articulações do dedão do pé
Doenças e patologias Gota
Streptococcus pyogenes: bactéria que pode propiciar o quadro de febre reumática
Doenças e patologias Febre Reumática
O reumatismo inclui doenças que geralmente acometem as articulações, músculos e ossos
Saúde e Bem-estar Reumatismo
Manifestação da doença nas mãos
Saúde e Bem-estar Artrose
Na figura podemos observar um osso sadio, de uma pessoa jovem, à esquerda; e um osso com osteoporose, de uma pessoa de idade mais avançada, à direita
Doenças e patologias Osteoporose
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA