Topo
pesquisar

Cinco parâmetros da Obesidade

Saúde e Bem-estar

PUBLICIDADE

1) O que leva um indivíduo a ser obeso? A ingestão excessiva de alimentos leva à formação de uma maior quantidade de tecido adiposo, ou seja, há um aumento de peso corporal. Essa situação pode se agravar se os alimentos ingeridos conterem um alto índice calórico. Portanto, a quantidade de energia contida nos alimentos ingeridos deve ser igual à necessária para a manutenção do nosso organismo.

2) Diferença da obesidade feminina para a masculina: a gordura se acumula em regiões diferentes do homem e da mulher. Na mulher, a gordura se acumula nos quadris e nas coxas; já no homem, o acúmulo ocorre na região do abdome e na parte superior do corpo.

Podemos fazer uma comparação: o corpo da mulher obesa se assemelha à forma de uma pera, e o do homem, à forma de uma maçã.

3) Fatores que levam à obesidade: existem vários e dentre eles podemos destacar:

Psicológicos: a ansiedade é a maior inimiga de quem está acima do peso, ela pode levar uma pessoa a ingerir uma quantidade exagerada de alimentos;

Genéticos: filhos de pais obesos apresentam uma predisposição de também serem obesos, ou seja, a tendência à obesidade é bem maior. Estudos comprovam que a obesidade dos pais é o maior fator de risco para uma criança se tornar obesa;

Culturais: em uma determinada região onde a cultura local exerce influência sobre os hábitos alimentares.

4) Porcentagens de tecido adiposo:

Pessoas em forma: 10 a 20 % de seu peso
Obesos: pode chegar a 50 %.

As células que armazenam gordura ficam localizadas no tecido adiposo, esse tecido tem a função de servir como uma reserva energética para o corpo.

5) Como diagnosticar a obesidade?

A maneira mais prática é adotando uma relação matemática chamada de Índice de Massa Corpórea (IMC), veja como calcular esse índice:

IMC = peso (Kg) 
         (altura)2 (m2)

A seguir, uma tabela que permite interpretar os resultados obtidos pela equação acima.

IMC (Kg/m2)               Classificação

< 18,5                           Baixo peso
18,5 - 24,9                   Normal
25 – 29,9                     Pré-obeso
30 – 34,9                    Obesidade classe1 (leve)
35 – 39,9                    Obesidade classe 2 (moderada)
> 40                             Obesidade classe 3 (grave)

Exemplo: vamos calcular o IMC para uma pessoa com 90 Kg e 1,70 de altura.

IMC = 90 Kg      =  31,14 Kg/m2
         (1,70) 2 m2

Como você classificaria essa pessoa? De acordo com a tabela, ela recebe a classificação obesa classe 1, o que significa que esse indivíduo precisa se alimentar com cautela para não agravar seu quadro e evoluir para uma classe de obesidade mais elevada.


Por Líria Alves

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SOUZA, Líria Alves De. "Cinco parâmetros da Obesidade"; Brasil Escola. Disponível em <http://brasilescola.uol.com.br/saude/cinco-parametros-obesidade.htm>. Acesso em 26 de julho de 2016.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA