Topo
pesquisar

Arritmia cardíaca

Saúde e Bem-estar

PUBLICIDADE

Dá-se o nome de arritmia cardíaca às alterações que ocorrem no ritmo dos batimentos cardíacos. Os batimentos cardíacos acompanham um ritmo regular e mecânico que, para ocorrer, necessita das células geradoras da eletricidade (marca-passo natural) para gerar eletricidade. O distúrbio nessa eletricidade gerada por tais células é que provoca o descompasso cardíaco. Ao se descompassar, o corpo todo passa por alterações, pois o bombeamento do sangue fica comprometido.

Os problemas na geração de eletricidade ocorridos no marca-passo natural (também chamado nó sinoatrial) podem ser causados por predisposição genética, dilatação do coração, hipertensão, entupimento das artérias, doença de chagas, estresse, drogas em geral, excesso de exercícios físicos fortes, medicamentos e até cafeína em grande quantidade.

A arritmia, quando acontece, provoca alguns sinais rapidamente percebidos. São eles: transpiração, dores no peito, palpitação cardíaca, sensação de pausa dos batimentos, fraqueza, tontura, falta de fôlego, formigamento e desmaio. Alguns tipos de arritmia são assintomáticos, ou seja, não apresentam nenhum tipo de sinal. Para diagnosticar a arritmia utiliza-se o eletrocardiograma, ecocardiograma, estudo eletrofisiológico da parte interna do coração e holter 24 horas.

O tratamento para esse distúrbio depende da sua causa, mas podem ser utilizados medicamentos, procedimentos médicos e cirurgias como marca-passo ou cauterização dos focos de arritmia por cateter, medicamentos e cardiodesfibrilador.


Por Gabriela Cabral
Equipe Brasil Escola

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

DANTAS, Gabriela Cabral Da Silva. "Arritmia cardíaca"; Brasil Escola. Disponível em <http://brasilescola.uol.com.br/saude/arritmia-cardiaca.htm>. Acesso em 02 de maio de 2016.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA