Topo
pesquisar

Bactérias presentes no corpo humano

Saúde na escola

As bactérias presentes no corpo humano formam a microbiota, que pode ser residente ou temporária.
PUBLICIDADE

Nosso corpo é formado por uma série de células, que formam tecidos e órgãos. Muitas vezes, no entanto, não percebemos que, além de nossas células típicas, outras nos fazem companhia: as bactérias. Isso mesmo! Nosso corpo apresenta uma grande quantidade de bactérias, sendo algumas benéficas e essenciais para o funcionamento adequado do organismo.

Os micro-organismos que crescem em nosso corpo formam a nossa microbiota, também chamada de flora e microflora. Estudos indicam que nossa microbiota é extremamente rica e que exista cerca de um quilo de bactérias no nosso corpo, um valor considerável, uma vez que essas bactérias são seres unicelulares e microscópicos. Alguns autores sugerem ainda que nosso corpo possui dez vezes mais micro-organismos que células humanas.

Nossa microbiota começa a se formar assim que nascemos, no momento do parto, quando recebemos uma grande variedade de bactérias de nossa mãe. À medida que crescemos, o número de bactérias aumenta e, com o tempo, torna-se estável.

Tipos de microbiota

A microbiota pode ser classificada em residente e transitória. A microbiota residente é formada por micro-organismos que são encontrados regularmente, em grande quantidade, em uma região anatômica determinada. Já a microbiota transitória é aquela em que micro-organismos estão presentes apenas por um curto período de tempo.

Onde essas bactérias estão localizadas?

Diversas partes do nosso corpo possuem bactérias, como o sistema respiratório, a pele, a boca, o estômago e o intestino. No intestino, por exemplo, encontramos bactérias que atuam na modulação do sistema imune, na produção de proteínas e vitaminas, na degradação de certos produtos da dieta e na proteção do intestino de outras bactérias que possam causar infecções graves, como aquelas desencadeadas por Clostridium difficile. Como exemplo de bactérias que vivem no intestino, podemos citar os Lactobacillus e Lactococcus.

Outro exemplo que pode ser citado são as bactérias encontradas na pele, que impedem que outras bactérias estabeleçam-se. Entretanto, apesar de essas bactérias serem benéficas, podem contaminar o ser humano caso ocorra alguma lesão e nosso sistema imunológico esteja comprometido. Como exemplo de bactérias que vivem na pele, podemos citar as do gênero Staphylococcus, Streptococcus e Propionibacterium.

A boca também abriga bactérias importantes. Estima-se que existam mais de 500 espécies de bactérias vivendo em nossa mucosa bucal para evitar a proliferação de novas bactérias e fungos. Entre as bactérias que vivem na boca, podemos citar: Staphylococcus, Propionibacterium e Streptococcus.

Gostaria de fazer a referência deste texto em um trabalho escolar ou acadêmico? Veja:

SANTOS, Vanessa Sardinha dos. "Bactérias presentes no corpo humano"; Brasil Escola. Disponível em <http://brasilescola.uol.com.br/saude-na-escola/bacterias-presentes-no-corpo-humano.htm>. Acesso em 24 de maio de 2017.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA